acima

 

OPINIÃO DO PROFESSOR

Denise Ramalho – Colégio Anglo-Americano

Não se pode pensar em uma avaliação de língua portuguesa e literatura que não seja baseada na contextualização. Os aspectos morfossintáticos e os aspectos semânticos da língua só podem ser analisados a partir dos efeitos que produzem nos textos. Do mesmo modo, a compreensão do processo literário só é plena quando se dá através do exercício da intertextualiade. 0 que mais se espera do estudante é competência para a interpretação, a partir do que se poderá verificar o seu nível de conhecimento tanto lingüístico quanto literário.

1