VOCÊ DEVE TER

18 ANOS...

Sexo:

Atualização do dia 26/05/2001:

Era sábado, dia do banho do padre João. A jovem irmã Madalena já havia
preparado a água e as toalhas exatamente do jeito que o velho padre
gostava.
Irmã Madalena foi também instruída para não olhar para o corpo nu do padre,
fazer o que ele lhe pedisse e rezar. Na manhã seguinte a madre superiora
perguntou a irmã Madalena se o banho de sábado havia transcorrido direito.
- Ah, irmã - disse irmã Madalena - eu fui salva!
- Salva? Como assim? - perguntou a madre superiora.
- Bom, quando o padre João estava todo ensaboado, ele me pediu para
limpá-lo
e, enquanto eu estava tirando o sabão, guiou minha mão para meio das suas
 pernas, onde ele disse que Deus guarda as chaves do paraíso. Então ele
disse que se a chave do paraíso coubesse em minha fechadura, os portões do
paraíso se abririam para mim e eu teria a salvação e a paz eterna. Então, o
padre João colocou a chave do paraíso na minha fechadura. Primeiro foi uma
 dor horrível, mas o padre disse que o caminho da salvação é mesmo doloroso
e que a glória do senhor iria encher o meu coração de êxtase. E, assim,
fui salva !
- Desgraçado! - berrou furiosa a madre superiora - Há mais de quarenta anos
ele me diz que aquilo é a trombeta do arcanjo Gabriel e me obrigava a
ficar soprando!


O camarada entra no elevador, ficando a sós com uma mulher que já estava lá dentro. Ao apertar o botão do seu andar, esbarra com o cotovelo nos seios da moça. Sem graça, procura se desculpar:
- Se o seu coração for tão mole quanto o que guarda no sutiã, sei que irá me perdoar...
- E se o que você guarda na cueca for tão duro quanto seu cotovelo, eu moro no 307, tá?...


Duas loiras no cinema, cochichando:
Loira 1: "Ei! O cara do meu lado está tocando uma punheta!"
Morena: "E daí? Simplesmente ignore ele!"
Loira 1: "Eu não posso! Ele está usando a minha mão!!


O garotinho estava andando de bicicleta quando passou em frente a um motel e viu uma cena curiosa. Um homem parou o seu carro e perguntou para uma bonita mulher que estava ao seu lado:
- E aí, vai dar ou não vai dar?
E ela, ríspida, respondeu:
- Não! Eu não vou dar!
- Entao desça já do carro e vá a pé! - esbravejou o homem.
E a mulher saiu andando pela rua, irritadíssima.
O garoto achou a cena interessante e no dia seguinte pegou sua bicicleta, chamou a sua amiga Mariazinha para andar com ele na garupa e passou em frente ao mesmo motel.
Lá ele parou, se virou para Mariazinha e perguntou:
- E aí, vai dar ou não vai dar?
Mariazinha pensou um pouco e disse, convicta:
- Vou dar, sim!
Então o garotinho ficou surpreso, fez uma careta e gritou:
- Então pode ficar com a minha bicicleta que eu vou a pé!


Conversam um judeu, um cristão e um mulçumano. Diz o judeu, se gabando:
- Eu ter quatro filhos. Uma a mais e eu ter uma time de basquete.
O cristão não deixa por menos:
- Eu tenho dez filhos. Um a mais e eu teria um time de futebol.
E o mulçumano:
- Pois eu tenho dezessete esposas. Uma a mais, e eu teria um campo de golfe!


O proprietário de um zoológico viaja até a África para adquirir dez novos gorilas. Procura aquele que lhe informam ser o melhor caçador de gorilas da região. Ao contrário do que esperava, ele se depara com um homem franzino, armado apenas de uma espingarda e acompanhado por um pequeno cachorrinho. Muito diplomaticamente, o dono do zôo pergunta ao raquítico caçador:
- O senhor não usa mais nenhum tipo de equipamento especial para pegar os gorilas, além dessa espingarda?
- Não se preocupe! Na verdade, a minha grande arma é o meu cachorro! Fique sossegado que eu e o Lulu aqui damos conta do recado.
Partem então, rumo à floresta, o caçador e o seu cãozinho acompanhados pelo dono do zoológico e sua equipe, levando jaulas, cordas e outros apetrechos.
Assim que entram na mata, o caçador balança uma árvore até cair um gorila que estava pendurado nela. O cachorrinho aproxima-se dele e, abanando o rabinho, começa a lamber o gorila atrás da orelha, no pescoço, nos mamilos, até que CRAU! "Traça" o bichão sob o olhar estupefato do dono do zôo e seu pessoal. Depois que o totó "faz o serviço" o caçador, aproveitando que o gorila ainda está tonto com o acontecido, coloca-o calmamente dentro da jaula.
Com esse método nada ortodoxo, o caçador e seu cãozinho tarado conseguem capturar nove gorilas. E o totó nem dá mostras de cansaço. Mas aí o caçador fala:
- O décimo é melhor deixarmos para pegar amanhã! É que agora só tem mais um gorila por aqui. O problema é que ele é bem jovem e se agarra com muita força ao galho. Eu não vou conseguir derrubá-lo balançando a árvore!
O "cliente" retruca:
- Acontece que precisamos ir embora ainda hoje e temos que levar dez animais. Se você conseguir pegá-lo, eu pago em dobro o que combinamos!
O caçador responde:
- Tudo bem! Então eu vou ter que subir na árvore e cutucar o gorilinha de perto. Você fique apontando com a espingarda engatilhada!
- Ué, mas até agora você conseguiu pegar nove gorilas sem disparar um só tiro!
- Pois é! Mas se EU cair da árvore, você atira no cachorro!

A MINHA PRIMEIRA VEZ

O céu estava claro
A lua quase dourada
Ali no campo eu e ela
E não se via mais nada
A pele suave
As ancas expostas
E eu tocando de leve
O macio de suas costas
Não sabendo começar
Olhei o corpo esguio
Decidi por as mãos
Sobre seu peito macio
Eu sentia medo
Meu coração forte batia
Enquanto ela bem lentamente
As firmes pernas abria
Vitória ! Eu consegui !
Tudo então melhorou
Pelo menos desta vez
O líquido branco jorrou
Finalmente tudo acabou
Mas quase que eu saio de maca
Foi assim a primeira vez
Que eu tirei leite de uma vaca.

Uma apresentadora de televisão foi a Londres entrevistar um fazendeiro sobre a doença da Vaca Louca.
Lá chegando, pegou um fazendeiro já meio invocado com o problema e sem muito bom humor para responder a perguntas sobre o assunto. Ela começa a gravar:
- Boa noite, senhor. Nós estamos aqui para ouvir sua opinião. O que o sr. acha que é a razão principal das vacas terem apanhado esta doença, Loucura das Vacas?
O fazendeiro olhou para a moça e respondeu:
- A senhorita sabia que o touro come a vaca somente uma vez por ano?
A repórter, visivelmente embaraçada, disse:
- Bem, senhor, eu não sabia, acho a informação interessante, mas o que isto tem a ver com a doença?
- Bem, senhorita, você sabia que as vacas são ordenhadas quatro vezes por dia?
- Senhor, novamente agradeço a informação, mas porque não vamos diretamente ao ponto central da minha pergunta: a que o sr. atribui o fenômeno da vaca louca?
O fazendeiro, já irritado, responde:
- Senhorita, eu estou tentando explicar. Imagine só se eu ficasse brincando com suas tetas por alguns minutos, quatro vezes por dia, e só trepasse com você uma vez por ano, você também não ficaria
louca?

Atualização do dia 12/05/2001:

        Uma moça sofre um gravíssimo acidente de trânsito, vai parar na UTI e passa dois anos nessa situação, sem responder aos estímulos dos médicos e sobrevivendo apenas pelo uso contínuo de aparelhos.
Quando certo dia, para o espanto de todos e escândalo geral esta moça fica grávida.
Os médicos, a polícia, os funcionários do hospital, e principalmente os parentes empenharam-se em descobrir como um fato absurdo desses poderia ter ocorrido.
Após exaustivas investigações, chegaram à conclusão de que o culpado era um caipira, que há poucos meses havia chegado do interior para trabalhar como auxiliar de enfermagem.
Então ele foi levado para a delegacia e severamente interrogado pelos policiais. Para curiosidade de todos ele se justificou dizendo que apenas
cumpriu suas obrigações seguindo as instruções da plaqueta que estava
pendurada na cama.
Perplexos, os policiais foram até o local do crime, viram a mulher
deitada e sobre ela a plaqueta que indicava: coma.

        A mulher se queixa ao médico:
        - Doutor, o problema é que o meu braço esquerdo dói muito quando faço amor com o meu marido.
        Diante de fato tão inusitado, o médico reflete durante alguns segundos e depois pergunta:
        - Já sei! É enquanto a senhora masturba o seu marido... Ele demora muito pra atingir o orgasmo?
        - Não, doutor! É que a gente faz amor de ladinho... E eu fico deitada o tempo todo sobre o meu braço esquerdo!
        - Ora, mas isso é muito simples! Basta à senhora virar-se para o lado direito!
        - Mas daí eu não consigo assistir à novela!


O médico da família consulta o Sr. Antônio.
        - Sr. Antônio, quantas vezes por semana o senhor faz sexo com sua esposa?
        - Duas vezes, doutor!
        - Duas? Mas outro dia a sua esposa esteve aqui e disse que fazia sexo de dez a quinze vezes por semana!
        - É só até a gente terminar de pagar o apartamento.


Dois surdo-mudos se casaram. Durante a primeira semana do casamento, eles descobriram que eram incapazes de se comunicar na cama quando a luz estivesse apagada, pois eles não enxergariam a linguagem dos sinais.
        Depois de várias noites pensando em alguma solução, a esposa "disse":
        - Querido - gesticula ela - por que não fazemos alguns simples sinais? Por exemplo: à noite, se você quiser fazer sexo comigo, pegue meu seio esquerdo uma vez. Se você não quiser fazer sexo, pegue no meu seio direito uma vez.
        O marido acha uma grande idéia e gesticula de volta a esposa:
        - Grande idéia! Agora se você quiser fazer sexo comigo, balance meu pênis uma vez. Se você não quiser fazer sexo, balance meu pênis 250 vezes ritmadas.
 


Numa noite chuvosa um taxista viu um braço saindo de uma viela fazendo sinal. Antes que ele encostasse, o vulto pulou dentro do táxi e bateu a porta.
Olhando pelo retrovisor, ele ficou surpreso ao ver que, no banco de traz, havia uma mulher completamente nua e toda molhada (no bom sentido).
- Para onde madame? - Disse ele gaguejando.
- Rodoviária. - Respondeu a mulher.
- Sim senhora. - Dando outra bela olhada pelo retrovisor.
A mulher pegou o motorista olhando e perguntou:
- O que está olhando?
- Bem madame, notei que a senhora está completamente nua e fiquei imaginando como irá pagar a corrida.
A mulher abriu bem as pernas, colocou os pés sobre os bancos dianteiros, sorriu e disse:
- Isto AQUI responde sua pergunta?
Ainda olhando pelo retrovisor o taxista pergunta:
- Não tem nada menor?

Um casal de turcos chega ao consultório de um terapeuta sexual e o medico pergunta:
- O que posso fazer por vocês?
Salim responde:
- Você poderia ver a gente transando?
O medico olha espantado, mas concorda. Quando termina a trepada, o medico diz:
- Não ha nada de errado na maneira como vocês fazem sexo.
Então o medico cobra 32 dólares pela consulta. Isso se repete por varias semanas. O casal marca um horário, faz sexo sem nenhum problema, paga a consulta e deixa o consultório. Finalmente certa vez o medico resolve perguntar:
- Afinal o que vocês estão tentando descobrir??
Salim diz:
- Não estamos tentando descobrir nada. Sara e casada e eu não posso ir a casa dela. Eu também sou casado e ela não pode ir ate a minha. No hotel Holliday Inn um quarto custa 60 dólares, no Hilton custa 78. Nos trepamos aqui por 32 dólares e eu ainda sou reembolsado em 28 dólares pelo plano de saúde!
O sujeito vai ao médico desesperado:
- Doutor, tenho um sério problema de ejaculação precoce.
- Não se preocupe, eu tenho um ótimo método para curar isto. O senhor tem alguma arma?
- Tenho um revólver 38... Mas por que a pergunta?
- Eu tenho uma tática que sempre dá certo: Quando estiver fazendo amor com sua esposa e sentir que vai ejacular, o senhor dá dois tiros pra cima. Assim a cabeça desanuvia um pouco e o senhor não ejacula tão precocemente!
O sujeito acha um pouco estranho, mas agradece e rosolve tentar, afinal tudo é válido para satisfazer sexualmente a sua esposa.
Um mês depois ele volta ao consultório e o doutor o recepciona:
- E então, a terapia deu certo? - pergunta o doutor.
- Que nada. Foi um desastre!
- Como? O que aconteceu?
- Uma noite eu cheguei em casa e a minha mulher estava cheia de fogo, pelada na cama.
Nós começamos fazendo um 69. Quando eu senti que ia gozar, fiz como o senhor
mandou, peguei o revólver e dei dois tiros pra cima.
- E então? - pergunta o médico, curioso.
- Aí minha mulher tomou um susto, mordeu meu pinto, peidou na minha cara
e pra completar saiu de dentro do armário um cara gritando:
- Não me mate! Não me mate!
        Um fazendeiro tinha um galinheiro com 180 galinhas e estava procurando um bom galo para produzir ovos. Um belo dia, o fazendeiro vai até o povoado, entra na agropecuária e diz para o vendedor:
        - Boa tarde! Procuro um bom galo capaz de cobrir todas minhas galinhas.
        O vendedor responde:
        - Quantas galinhas tem?
        - No total, 180 - diz o fazendeiro.
        Então o vendedor puxa uma gaiola com um galo enorme, musculoso, com a crista de pé, olhos azuis e uma tatuagem no peito dos Rolling Stones, e diz para o fazendeiro:
        - Leva esse aqui, o Alberto, ele não falha.
        O fazendeiro leva o galo e, no dia seguinte, pela manhã, solta o galo no galinheiro. O galo sai correndo, pega a primeira galinha, e dá dois sem tirar, pega a segunda, dá o primeiro, e quando estava no segundo...Cai frito. O fazendeiro olha e diz:
        - O quê me vendeu este vendedor filho da puta? Este galo puto comeu duas galinhas e capotou.
        Então, pegou o galo pelo pescoço e levou-o até o vendedor e contou para ele o que aconteceu. O vendedor se desculpou e puxou outro galo. Este era preto, de crista amarela, olhos cinzas e tênis da Nike. E diz para o fazendeiro:
        - Esse aqui é o Fernando. Dá uma olhada no trabalho dele depois me conta.
        O fazendeiro volta para a fazenda com o galo e repete a manobra: solta o bicho no galinheiro, o galo sai alucinado, come a primeira galinha de pé, pega a segunda e traça, na terceira ele faz o 69 e quando está bombeando a quarta, cai morto no meio do galinheiro. O fazendeiro, emputecido, pega o galo pelas patas, se manda para o povoado, entra porta adentro na agropecuária e diz para o vendedor:
        - Escuta aqui o filho de uma puta, é o segundo galo que tu me vende e que não presta para nada. É melhor você me vender um galo decente ou vou tocar fogo nesta merda, sacou cara!
        Então o vendedor puxa um galo de merda, pelado sem crista nem penas, com olheiras, corcunda, com tênis         Bamba de lona e uma camisa azul claro com os dizeres "Maracanã 1950" e diz ao fazendeiro:
    - Olha, é só o que me resta. O nome dele é Tito e chegou por coincidência num barco que vinha do Uruguai. O fazendeiro, puto da cara, leva o galo pensando:
        - Que caralho vou fazer com este galo castelhano e fudido?
        Chegando na fazenda solta o Tito no galinheiro, o galo joga a camisa para um lado e sai enlouquecido comendo as 180 galinhas de um saque. Dá uma respirada e come as 180 de novo. Sai correndo e enraba o pastor alemão, aí o fazendeiro o pega, dá dois sopapos para acalmá-lo e tranca ele na gaiola.
        - Porra, um fenômeno este galo - Pensa o fazendeiro.
        E as galinhas todas enlouquecidas com o Tito, que o Tito isto, que o Tito aquilo e com você o que ele fez e comigo ele fez tal coisa, loucura total, todas as galinhas querendo ir de mudança pra Montevidéu. No dia seguinte solta o bicho de novo, o Tito sai levantando poeira dá duas voltas no galinheiro faturando tudo que é buraco com penas que encontra pelo caminho, sai correndo e come o cachorro, o porco e duas vacas. O fazendeiro corre atrás, pega ele pelo pescoço, dá umas chacoalhadas para acalmá-lo e joga ele na gaiola.
        - Que galo filho da puta! Vai me cobrir a fazenda inteira - diz o fazendeiro.
        No dia seguinte, vai buscar o galo e encontra a jaula toda arrebentada...
        - O Tito fugiu!
        Sai correndo para o galinheiro e encontra todas as galinhas de buceta pra cima fumando e assoviando, lá fora o porco com o cu pro sol, as duas vacas deitadas no chão com a perereca vermelha falando no Tito, o cachorro com a bunda arruinada,... E pensa:
        - Ele vai comer o gado do vizinho, vão me matar!
Então pega o cavalo e sai procurando o Tito sem descanso, seguindo a pista deixada por ele (cabras suspirando, bodes passando Hipoglós na bunda, uma tartaruga que perdeu o casco no tranco, um touro provando lingerie, três capivaras mancando, um pônei sentado no gelo, um bambi curado de hemorróidas...) até que, de repente, à distância, vê o Tito caído no chão. Uma cena desgarradora! E os abutres voando em círculos, se babando de fome. Quando viu os abutres sobrevoando, o fazendeiro entendeu a situação.
        - Nãããooooo, Titooooo.... Morreuuu o Titooo! Uma vez que encontro um galo de verdade...
        E no meio do lamento, cuidadosamente o Tito abre um olho, olha o fazendeiro e, assinalando os abutres, pisca e diz:
        - Shhhhhhhhh! Acalma-te hombre, que ellas están quase desciendo...

Atualização do dia 23/12/2000:

Um homem está perdido no meio do interior da China. Há três semanas ele não come, etem que dormir fora. Numa tarde quando caminhava num bosque à procura de algo para comer,ele avista uma casa isolada. Pela fumaça saindo da chaminé, ele percebe que ela é habitada.
O homem bate na porta. Um velhinho abre e diz:
- O que você quer?
- Estou perdido há três semanas e não comi nada neste tempo, responde o sujeito. Osenhor poderia me dar algo para comer e deixar-me dormir na sua casa esta noite?
- Aceito com uma condição: em nenhuma hipótese você pode querer ver minha neta.
O homem esgotado e faminto aceita imediatamente:
- Prometo-lhe respeitar minha palavra e sair daqui amanhã cedo.
- Está bem. Mas se eu pegá-lo rondando minha neta, eu lhe farei passar pelas três piores torturas que é possível um homem suportar! responde o velhinho.
- Está certo!diz o homem entrando finalmente na casa.
Ao mesmo tempo ele se pergunta que tipo de mulher é capaz de viver assim na floresta com um velho por única companhia.
O homem toma um banho e desce para comer. Nesse momento ele encontra a mais bela mulher da China... Tanto que, durante toda a refeição, ele não consegue desgrudar os olhos desta jóia que é a neta do velhinho. Evidentemente, durante a noite, o homem não consegue cumprir sua promessa. Ele entra no quarto da moça, que tinha deixado a porta aberta, e os dois se divertem um bocado. Depois ele volta a seu quarto para dormir. Ele pensa: "depois do que eu acabo de passar, as torturas que este velhinho quer me fazer passar não vão ser muito pesadas..."
De manhã, o homem se levanta com um peso terrível sobre o peito. Ele abre os olhos edescobre que uma pedra enorme foi colocada sobre ele. Na pedra há um papel onde está escrito: "Primeira tortura chinesa: um peso de 50 kg sobre o peito". O homem pensa: "O quê? Isto é a pior tortura chinesa! Tá brincando."
Ele se levanta, vai até a janela do quarto, abre o vidro e joga a pedra para fora. No momento em que ele joga a pedra, ele vê um papel colocado no outro lado da pedra que diz:"Segunda tortura chinesa: pedra amarrada no testículo direito". O homem pensanum segundo: "Paciência, não estou tão alto, eu pulo junto com a pedra...", e no momento em que ele salta, ele vê o terceiro papelzinho que diz: "Terceira tortura chinesa: testículo esquerdo amarrado no pé da cama"


Joe tem uma carreira de sucesso, mas ele é "golpeado" por uma dor de cabeçacrônica que aumenta a cada ano. Quando sua saúde mental e sua vida amorosa começaram aficar ameaçadas, ele procurou auxílio médico. Depois de perambular de um especialistapara outro, ele finalmente descobriu um médico que resolveu o problema.
- A boa notícia é que eu posso curar sua dor de cabeça. A má notícia é que isso requer sua castração. Você tem uma condição muito rara que causa o esmagamento de seus testículos contra a base da espinha. A pressão causa uma dor de cabeça insuportável. A única maneira de diminuir a pressão é removendo os testículos.
Joe ficou chocado e deprimido. Ele questionou se havia algum motivo para continuar vivendo. Mas mesmo não tendo encontrado a resposta, algum tempo depois ele decidiu entrar na faca. Quando ele deixou o hospital, sua cabeça estava límpida, mas ele sentia que algo importante dele havia desaparecido. Andando pela rua, ele percebeu que era outra pessoa. Ele podia recomeçar e viver uma nova vida.
Ao passar por uma loja de roupa masculina ele pensou: "É disto que eu preciso: um terno novo". Ele entrou na loja e disse ao vendedor:
- Gostaria de ver um terno.
O vendedor olhou para ele e disse:
- Vejamos... tamanho 52 longo.
Joe riu:
- Você está certo! Como você conseguiu?.
- É minha profissão" disse o vendedor.
Joe experimentou o terno. Caiu feito uma luva. Enquanto Joe olhava-se no espelho, ovendedor perguntou:
- E que tal uma camisa nova?
Joe pensou um segundo e disse:
- Tá certo...
O vendedor olhou para o Joe e disse:
- Vejamos... 42 largo.
Joe ficou surpreso.
- Você está certo! Como você conseguiu?
- É minha profissão." disse o vendedor.
Joe experimentou a camisa e ficou perfeita. Enquanto Joe ajustava o colarinho peloespelho, o vendedor disse:
- E que tal um par de sapatos novos?
Joe não hesitou:
- Vamos lá!
O vendedor olhou para os pés do Joe e disse:
- 42.
- Você está certo! Como você conseguiu?
- É minha profissão, disse o vendedor.
Joe experimentou os sapatos e eles encaixaram como chinelos. Ele andou um pouco dentroda loja para confirmar o conforto. E o vendedor aproveitou para vender-lhe um chapéu, umamalha e uma camiseta, sempre acertando o tamanho só de olhar. Por fim o vendedor ofereceu-lhe uma cueca nova. Joe aceitou e o vendedor disse:
- 42.
Joe deu uma risada:
- Agora você errou! Eu sempre usei 40!
O vendedor balançou a cabeça e disse:
- O senhor não pode usar 40. Vai ficar muito apertado, irá pressionar seus testículos contra a espinha e vai lhe dar uma puta dor de cabeça.


Um fulano se lamenta com um amigo que fazer amor com a esposa está ficando uma rotinae que está levando-os ao tédio. O amigo responde:
- Seja criativo, pô! Tente romper a monotonia. Por que é que você não brinca demédico com ela durante uma hora, por exemplo?
- Olha que é uma boa idéia - responde o primeiro - Mas como é que vou fazer isso duraruma hora?
- Fácil. Deixa ela esperando 45 minutos na sala de espera...


Eles acabaram de casar e vão passar a primeira noite juntos. A excitação está ao máximo. A noiva sai primeiro do banheiro, toda cheirosa com seu robe. O marido, deitado na cama, diz:
- Querida, agora que nós somos casados, você pode me deixar ver seu corpo!
A noiva abre então o robe revelando um corpo de deusa...
- Oh, querida, você é tão linda... Ah, deixe-me tirar uma foto!
- Você quer tirar uma foto minha pelada? - espanta-se a moça.
- Sim, querida - repsonde ele - assim eu poderei carregar-te em permaênto ao meu coração olhar para a foto para lembrar-me desta noite em que você foi minha pela primeira vez.
Encantada pelas palavras do marido, a moça deixa-o tirar umas fotos. Depois ele vai no banheiro para tomar seu banho. Quando ele sai todo cheiroso e vestindo também um robe, a mulher lhe diz:
- Querido, já; que estamos casados, quero que você tire este robe e fique nu para mim.
O marido deixa cair o robe e revela sua nudez. A mulher exclama:
- Uáu! Também quero tirar uma foto!
O marido todo orgulhoso sorri e pergunta:
- Por que?
- Para mandar ampliar.


O casal recém casado faz sua viagem de lua-de-mel. Quando chegam no hotel, a mulher corre e se tranca no banheiro. O marido bate na porta:
- Querida, o que foi?
- Estou muito nervosa, querido... dá um tempinho que eu já vou.
O sujeito vai para a cama, se prepara e, depois de uns minutos, volta a porta:
- TOC TOC TOC! Querida, vamos?
- Ai... espere mais um pouco...
Passados mais alguns minutos...
- TOC TOC TOC! Vamos? Acho que já dá!
- Ai querido... não sei se estou preparada...
Mais alguns minutos...
- TOC TOC TOC!! E agora?
- Ai querido... estou com medo...
- Medo? Medo você vai ficar quando descobrir quando descobrir com que eu estou batendo na porta!


É a noite de núpcias, e o casal está no quarto de hotel pela primeira vez. Ao sair do banheiro, a noiva vê seu marido, um católico praticante, ajoelhado na beira da cama, as mãos juntas e rezando. Ela pergunta:
- O que é que você está fazendo?
Ele responde:
- Estou pedindo ao Senhor para que me mostre o caminho.
Ela diz:
- Isso pode deixar que eu cuido.
E, baixando os olhos para a "virilidade" do marido, acrescenta:
- Você deveria é pedir para que te dê firmeza.


Aquela senhora acaba de casar suas três filhas. E para economizar, ela consegue que façam uma festa única. Com a economia, ela manda os três casais em lua-de-mel para Salvador. Ainda no aeroporto, ela dá as instruções:
- ... e, por favor, mantenham-me informada. Quero saber TUDO, inclusive a parte sexual, porque é a parte mais importante do casamento. Portanto, não hesitem: mandem-me cartões postais, e, se for preciso, usem metáforas. Por exemplo, escrevam que comeram vatapá ao invés de escrever que fizeram sexo. Certo? Boa viagem!
Três dias depois, ela recebe cartoes postais das filhas. A primeira diz: "Salvador é uma cidade linda. Estamos nos divertindo a valer. E não deixamos de comer vatapá todos os dias". A segunda escreve: "Salvador vale a pena. As praias são lindas, e o pessoal é muito amigável. E a comida bahiana é divina. Estamos comendo vatapá duas ou três vezes por dia!". A terceira conta: "Ah, Salvador! Que cidade charmosa. Que agitação. Quanta música! E o Pedro apaixonou-se pela comida baiana. Comemos vatapá o dia inteiro, e ele chega a lamber o prato".


Na noite de núpcias, querendo testar a experiência sexual de sua jovem esposa, o marido ficou inteiramente nu e, apontando para o símbolo de sua masculinidade, perguntou:
- Você sabe o que é isso?
- Claro. É um pintinho.
Deliciando-se com a ingenuidade da mulher, ele disse, complacente:
- Pois, de hoje em diante, você pode chamar de pênis.
Ela deu uma risada e lançou de bate-pronto:
- Deixa disso, bobo. Pênis eu estou cansada de ver. Isso aí não passa mesmo de um pintinho.


Havia uma mulher no interior que já tinha transado com quase todo mundo. O problema é que ela não havia se casado com ninguém e ela havia conhecido um rapaz com quem certamente se casaria. Aconselharam ela a colocar uma bexiga lá dentro para poder casar "virgem" e na hora H ela tiraria a bexiga.
Na noite de núpsias, o marido muito desconfiado pediu para que a sua esposa abrisse as pernas para que ele pudesse realmente confirmar sua virgindade. A hora que ele viu começou a rir muito.
- Mas o que foi benzinho? Você nunca viu uma mulher pura e virgem antes?
- Pura e virgem já. Mas com o cabaço escrito "Feliz aniversário" é a primeira vez.


Aquela piranha fazia ponto no aeroporto. Só recebia em dólares. Um dia, um gringo deu duzentos dólares por uma trepada. Toda feliz, a piranha procurou uma casa de câmbio pratrocar, que tava a fim de sair por ai gastando. O cambista examinou as notas e falou:
- Entrou numa fria! São falsas!
E a piranha:
- Socorro! Fui estuprada!


- Não sei por que você está passando esse sutiã. Você não tem nada para por nele.
E a mulher responde:
- Eu passo suas cuecas, não passo?


Um sujeito ia sentar ao lado de uma senhora em um ônibus, sem perceber um pequeno embrulho no banco. Antes que sentasse em cima do embrulho, a senhora avisou:
- Senhor, cuidado com os ovos.
O sujeito, curioso, abriu o embrulho.
- Mas não são ovos.
- Pois é. São pregos.


Jorge está todo feliz com seus sapatos novos. Então, antes de ir deitar, ele calça novamente os sapatos e anda no quarto pelado. E diz para a mulher:
- Você viu, querida, meus sapatos novos? São tão bonitos, tão elegantes, que até meu pinto se curva para vê-los.
- Ah é? - responde a mulher - Você deveria então ter comprado uma gravata!


Uma mulher está na cadeira do dentista. O dentista diz:
- Vou ter que arrancar este molar.
A mulher geme:
- Ahhh, eu acho que preferia ter um bebê!
O dentista retruca:
- Não seja por isso. Vou ajeitar a cadeira.


Um sujeito tem um barco com todo o equipamento de pesca. A mulher o acompanha sempre, mas não gosta de pescar. Um dia em que ele dá uma descansada na cabine, ela fica lendo no convés, quando chega um fiscal da Polícia Florestal que diz que é proibido pescar fora de temporada. A mulher reclama:
- Mas eu não estou pescando!
- Mas a senhora tem todo o equipamento - justifica o guarda.
A mulher pensa um instante e diz:
- Se o senhor me multar, eu vou denunciá-lo por estupro.
- Mas eu nem encostei na senhora - defende-se o guarda.
- Mas o senhor tem todo o equipamento.


Um sujeito encontra uma linda garota e concorda em passar a noite com ela mediante opagamento de R$ 500. Mas na hora de pagar, ele descobre que está sem dinheiro, e diz quevai mandar-lhe um cheque assim que chegar no escritório. Para a secretária não desconfiar, ele combina que diria ser o pagamento pelo "aluguel do apartamento". Só que ao voltar ao escritório, ele acha que R$ 500 é muito para uma noite com a moça,e ele decide mandar apenas R$ 250. No envelope, ele pede para a secretária acrescentar oseguinte bilhete:
"Prezada Senhora,
Em anexo está um cheque de R$ 250 pelo aluguel do apartamento. Não estou enviando o valor acertado porque quando aluguei o apartamento eu imaginava que:
1) ele nunca tivesse sido ocupado
2) ele tivesse aquecimento
3) fosse menor de modo a me sentir em casa"
Ao receber a carta, a moça imediatamente devolve o cheque acompanhado do bilhete:
"Prezado Senhor,
Em primeiro lugar, não posso entender como o senhor espera que um bonito apartamento como o meu fique vago indefinidamente. Com relação ao segundo ítem, o apartamento possui aquecimento, o senhor é que não soube ligá-lo. Quanto ao espaço, ele é totalmente adequado, e se o senhor não tem mobília suficiente para preencher o espaço, não culpe a proprietária!"


Um sujeito está viajando na Espanha e vai num restaurante. Ele pede ao garçom para lhe trazer uma especialidade da casa. O garçom lhe traz um prato com batatas, milho e dois grandes pedaços redondos de carne.
- O que é isso? - pegunta o sujeito.
- Cojones, señor - responde o garçom.
- O que são cojones? - pergunta o sujeito.
- Cojones são os testículos do touro que morreu na tourada ontem - explica o garçom.
O sujeito experimenta desconfiado, mas descobre que é um prato extremamente saboroso.Tanto que ele promente voltar.
No dia seguinte ele volta, e pede o mesmo prato. Para sua surpresa, os dois pedaços decarne são muito menores do qe na véspera. Ele pergunta o que é.
- Cojones, señor - responde o garçom.
- Não, cojones são muito maiores do que isso. Eu sei porque eu comi isso aqui ontem.
- Bem, señor, o touro não perde sempre...


Uma mulher entra na farmácia e pergunta se eles têm camisinhas tamanho GG.
- Sim, temos - responde o vendedor - Quantas a senhora quer levar?
- Não - responde ela - Mas o senhor não se importa se eu esperar por aqui até aparecer alguém que queira comprar?


É um casal que já tem 15 anos de casados. Eles acabam de se deitar. Ela se preparapara dormir enquanto que ele lê um livro. De repente a mão que não está segurando o livro vai passando no corpo dela até chegar na xoxota, que ele acaricia durante algunssegundos. E para. Ela se vira para ele e pergunta:
- E aí? Só isso?
- Só isso o quê? - pergunta ele.
Ela responde:
- Ué, você me acaricia durante cinco segundos e depois para... Um tanto rápido,você não acha?
Ele explica:
- Ah, eu só queria molhar o dedo para virar a página.


- Mamãe, estou decepcionada com o Zezinho. Estamos casados há um ano e ele nunca me pediu para virar.
- Calma minha filha, isto vem com o tempo. Por enquanto ainda é cedo. Vai aproveitando.
- Mas na última noite, eu insinuei que queria virar mas ele deu a maior bronca. Disse que se eu virasse poderia engravidar.


Certo dia um amigo vira pro outro e pergunta:
- Me desculpe a curiosidade, mas como você conseguiu ficar rico desse jeito?
- É que eu montei um bordel quando vim para nossa cidade, há uns trinta anos.
- E como era o bordel? pergunta o outro.
- Ele era muito bonito, ficava num prédio e eu dividi o prédio por categoria. No térreosó ficavam as bichas, travestir, etc. No primeiro andar só as mulheres com mais dequarenta anos e no segundo andar só as menininhas com menos de dezoito, explica osujeito.
- Puxa! Mas foi fácil de montar esse bordel?
- Que nada, no começo foi muito difícil pois era só eu, minha esposa e minha filha!


O careca vai a barbearia. O barbeiro:
- Sabe que eu sei de um ótimo remédio pra fazer nascer cabelo...
- Qual? pergunta o entusiasmado careca.
- Secreção vaginal.
- Será? Mas espera aí! Se esse negócio é bom mesmo, vejo que para o senhor não funcionou, pois o senhor também é careca.
- Mas repara só no tamanhao do meu bigode, explica o barbeiro.


Na casa estavam somente a Mariazinha, o namorado dela e a avó da menina. O casal de namorados passou a tarde toda trancado no quarto. Das duas uma: ou os pombinhos não estavam agindo de forma discreta, ou a parede do quarto era fina demais. De qualquer modo,a velha estava ficando cada vez mais sem graça com a situação. Depois de algumas horas trancados no quarto, e preocupada com a saúde da neta, a avó chama os dois para tomaremum lanchinho. Duante o lanche, o namorado, querendo puxar papo com a velha, pergunta:
- Nossa! Esses bolinhos de bacalhau estão uma delícia! Foi a senhora mesmo quem fez?
- Vai lavar a mão, menino, que os bolinhos são de batata!


A garota se casou e logo depois de alguns dias estava escrevendo para a sua mãe:
"Mamãe,
O Eduardo é fogo. Ele quer sexo o dia todo. Imagine, mamãe, que ele não escolhelugar para fazer amor. Às vezes, estou na cozinha e ele crau! Outro dia, foi no elevadordo prédio ... tem vezes que estamos de saída e ele vem e crau! Ai, mãe, não sei se voudar conta do recado.
Beijos,
Anita
P.S.: Desculpa a letra tremida, mamãe!"


O irmão estava comendo sua irmã e quase chegando ao orgasmo ele vira pra ela e diz:
- Puxa mana, voce é mais gostosa que a mamãe!
E ela:
- É, eu sei. O papai falou.


Quatro enfermeiras resolveram pregar uns trotes no estagiário de medicina. Depois se reuniram para contar o que fizeram:
- Eu coloquei algodão no seu estetoscópio- disse a primeira, caindo na risada.
- Eu troquei as fichas dos seus pacientes! contou a segunda.
- Eu fui mais malvada! - exclamou a terceira. - Encontrei uma caixa de preservativos no bolso do seu jaleco e furei todinhos com uma agulha!
A quarta enfermeira desmaiou.


Estava uma perereca a preparar-se para comer uma mosca, quando um sapo que observava a cena disse:
- Perereca, não comas a mosca! Espere que a abelha a coma, e depois você come a abelha. Ficará melhor alimentada.
A perereca assim fez e, efectivamente, passados uns segundos veio uma abelha que comeu a mosca. A perereca preparou-se então para comer a abelha, mas o sapo interrompeu-a:
- Perereca, não coma a abelha! Ela vai ficar presa na teia da aranha, a aranha vai comê-la e você come a aranha. Ficará melhor alimentada.
A perereca de novo concordou e esperou. A abelha levantou vôo, caiu na teia da aranha.Veio a aranha e comeu-a. A perereca preparou-se então para saltar sobre a aranha, mas denovo o sapo interviu:
- Perereca, não seja precipitada! Um pássaro comerá a aranha, que comeu a abelha,que comeu a mosca. Comerá o pássaro, e ficará melhor alimentada.
A perereca, reconhecendo os bons conselhos do sapo, aguardou. Logo chegou o pássaro,que comeu a aranha. Entretanto, começou a chover, e a perereca, ao atirar-se sobre opássaro para comer, escorregou e caiu numa poça de água.
Moral da história: quando mais duram os preparativos, mais molhada fica a perereca...


O ceguinho chegou no restaurante, e pediu um cardápio em braile. O garçon,desculpando-se, disse que não tinha. O ceguinho falou:
- Não faz mal, me traz uma faca suja da cozinha para eu provar a comida.
O garçon achou estranho, mas atendeu ao pedido. Pegou uma faca usada na cozinha, e deu ao ceguinho. Este lambe a faca e comenta:
- Ummm, ótimo tempero. Camarão, com arroz a grega, pode me trazer esse prato mesmo.
No dia seguinte, a mesma coisa:
- Ummm, strogonof de frango, batata frita, ...pode trazer esse prato mesmo.
Passou uma semana, sempre a mesma coisa, o ceguinho pedia a faca e dizia o prato. O garçon, querendo sacanear o ceguinho, resolveu aprontar. No outro dia, quando o ceguinho chegou e pediu a faca, o garçon pegou uma faca e chegou pra cozinheira:
- Eu tô afim de aprontar pro ceguinho. Pega essa faca e passa ai na perseguida...
A cozinheira atendeu ao pedido, e o garçon levou a faca pro ceguinho. Este colocou a faca na boca, pensou um pouco e falou:
- Ah, não vai me dizer que a Margarete está trabalhando aqui!


Chega um casal decepcionado pro doutor, reclamando que tinham problemas pra conseguir"fazer neném". O doutor então decide fazer uns testes de rotina no casal, só pra checar se todos os orgãos estão em ordem. A mulher? Supimpa, a "casa ovária" está em ordem, é só mandar bala, diz o doutor. Aí chega o vez do macho verificar se as suas habilidades progenitárias estão em dia. O doutor pede ao casal para entar num quartinho escuro e, diplomaticamente pede pro casal trazer um vidrinho selado e esterilizado de volta, mas cheio.
Passa-se meia hora, uma hora, e o casal volta de mãos abanando e vidrinho vazio,encabulados, abatidos e suados. O doutor pergunta se eles tinham tido problemas? O homem diz, olhos fixados no chão:
- Sim, admito que tivemos problemas. Tentei pra burro, mas as minhas mãos ficaram realmente cansadas. Tentei com a esquerda, a direita, com ambas as mãos, e nada! Daíminha mulher tentou e tentou com a esquerda dela, a direita dela, puxou e puxou, e nada!Aí tivemos a sorte de encontrar uma vaselina num cabinete, com que ela usou pra esfregarcom a ponta dos dedos, mas nada. Ela até tentou usar a boca, mas depois de um tempo elanão aguentou mais de cansaço. Não sabiamos mais o que fazer, estamos desesperados!!
- Você tem problema de impotência faz tempo, meu filho? indagou o doutor.
- Impotência, nada! É a tampa dessa porra de vidrinho que não consigo abrir!


A mulher liga deseperada para o médico as três horas da madrugada:
- Doutor venha correndo para cá que meu filho engoliu uma camisinha!
- Minha senhora! São 3h da madrugada, vamos deixar isto para amanhã?
- Não, não. Pelo amor de Deus venha logo que eu estou desesperada!!!
- Tudo bem, fique aí na linha enquanto eu troco de roupa.
Cinco minutos depois o médico volta ao telefone:
- Pronto, agora me de seu endereço.
- Não precisa mais vir não doutor. Muito obrigada!
- MAS COMO? Você não disse que seu filho tinha engolido uma camisinha?
- É, mas o meu marido já achou outra!


Depois de um bom tempo de namoro, o casalzinho tava pronto pra ir pra cama... A garota faz um beicinho e fala:
- Olha, você; está fazendo idéia errada de mim, não sou desse tipo!
E o cara, fazendo um carinho na menina:
- Esquenta não, gatinha... fica sabendo que te respeito pra caramba, nunca pensei mal de você...
- Sabe que é o primeiro?
- Primeiro a transar com você?
- Não, o primeiro que não pensa mal de mim!


A filha pergunta ao pai:
- Papai, o que é abuso sexual?
- Cala a boca e continua chupando!


Estava sentada em frente a um bar da cidadezinha do interior uma menininha, brincando ingenuamente com sua boneca quando de repente sai um homem trajando calca jeans e camiseta branca e diz pra meninha:
- Olá, está brincando?
- Sim.
- Quer ganhar uma bala?
- Sim.
- Então tá... só que você tem que pegar a pelinha do pipi do titio aqui e puxar prabaixo. Depois pegar essa mesma pelinha e puxar pra cima. Se você puxar a pelinha do pipido titio pra baixo de novo e depois puxar pra cima novamente, você ganha outra bala.
Irritada a menina respondeu:
- O tio... me dá um saco de bala que eu te bato uma punheta!


O novo embaixador americano estava conversando com um diplomata africano. Eles haviam passado o dia discutindo o progresso obtido com os Russos antes de terem sido expulsos do país.
- Eles constríram uma hidroelétrica, um aeroporto, e nos ensinaram a tomar vodka e jogar roleta russa.
O embaixador olhou penalizado e disse:
- Roleta russa é um jogo muito perigoso.
- Certo. É por isso que inventamos a roleta africana. Quer jogar?
- Não sei. Como é que se joga?
O diplomata africano bateu palmas e seis lindas mulheres negras, todas nuas, chegaram rebolando. O diplomata explicou:
- Escolha uma para que ela lhe faça sexo oral.
- Mas isso é muito melhor e bem menos perigoso do que roleta russa!
- Não quando uma delas é canibal...


São duas irmãs gêmeas, Antônia e Henriqueta, de 50 anos, ambas virgens. Elas estão vendo um filme pseudo erótico na tv, quando Henriqueta diz a sua irmã:
- Não agüento mais, isso não é possível. Não vou morrer virgem. Vou pegar o Fusca e vou até a cidade, e só volto quando deixar de ser virgem!
A noite passa, e a manhã também. E nada do Fusca voltar para a garagem. De repente,ao meio-dia, Henriqueta volta correndo para casa e se manda para o banheiro. Antônia bateà porta.
- Henriqueta, o que houve? Tudo bem?
Nenhuma resposta. Então Antônia abre a porta e vê a irmã, sentada no chão, sem calcinha, as pernas abertas, com a cabeça inclinada para melhor ver a xoxota!
- O que foi, Henriqueta, o que foi? Você se machucou?
- Ah, se você soubesse, Antônia... Era um troço de uns 25 centímetros quando entrou e 10 quando saiu. Se eu achar os 15 centímetros faltantes você vai ver o que é viver


Um sujeito leva a garota para passear no carro esporte novo. Ela adora a velocidade, eele decide provocá-la:
- Se eu for a 200 km/h, você tira a roupa?
Ela concorda imediatamente. Enquanto o sujeito aumenta a velocidade, ela começa atirar toda a roupa. Mas, é claro, com o carro a 200 por hora e a garota pelada a seu lado, o sujeito se distrai e acaba caindo para fora da estrada, capotando. Quando ele se recupera do susto, vê que está preso entre as ferragens. A garota, por sorte, está ilesa. Ele pede:
- Por favor, vá pedir ajuda. Estou entalado aqui dentro.
- Mas não posso, estou pelada - queixa-se ela - Minha roupa sumiu.
O sujeito olha a seu redor, e vê seu sapato. Ele diz:
- Ah, sei lá. Pegue esse sapato e cubra-se. Mas corra buscar ajuda.
A garota sai pela estrada e chega pouco depois num posto de gasolina. Ela ainda está segurando o sapato entre as pernas e diz ao frentista:
- Por favor, me ajude! Meu namorado está entalado!
- Acho que não posso fazer nada. Ele está muito fundo!


Os seis tipos de orgasmos femininos:
· Asmática: Ahh...ahh...ahh...
· Geográfica: Aqui, aqui, aqui...
· Matemática: Mais...mais...maissss
· Religiosa: Ai meu Deus, Ai! Meu Deus!
· Suicída: Ah,acho que eu vou morrer...
· Homicida: Se voce parar agora eu te MATO!


R. Perkins é um professor de biologia numa escola secundária feminina nos Estados Unidos. Durante uma aula ele diz:
- Patrícia, você pode me dizer qual é o órgão do corpo humano que, sob determinadas condições, chega a ter seis vezes o seu tamanho normal, e que condiçõessão essas?
Patrícia engasga, e responde com um tom gelado:
- Professor, eu não creio que isso seja uma pergunta a ser feita para mim. Garanto-lhe que meus pais vão saber disso. E senta com o rosto vermelho.
Sem se perturbar, o professor Perkins chama Cíntia e repete a pergunta. Esta responde:
- A pupila, sob luz fraca.
- Correto - diz o professor Perkins. - E agora, Patrícia, tenho três coisas a lhe dizer:1, você não estudou a lição. 2, você tem uma mente suja. E, 3, você ainda vai se desapontar um bocado!


Um casal de aposentados vai ao médico fazer seu exame anual de saúde. Depois detê-lo examinado, o médico diz ao velho:
- O senhor está com uma saúde excelente. O senhor tem algo em especial que gostariade discutir comigo?
- De fato eu tenho - diz o homem. - Depois de fazer sexo com minha mulher, na primeira vez, eu sinto calor e fico todo suado. Mas depois da segunda vez, eu sinto frio e tremo todo.
- Interessante - diz o médico. - Vou anotar isso e depois lhe dou um parecer.
Aí o médico examina a mulher, e termina dizendo:
- A senhora está com uma saúde excelente. A senhora tem algo em especial que gostariade discutir comigo?
Ela responde que não. O médico então acrescenta:
- Seu marido veio com um problema estranho. Ele disse que a primeira vez que faz sexo com a senhora, ele sente calor e sua, e que na segunda vez ele sente frio e treme. Asenhora imagina o que possa ser?
- Ah! É lógico! É que a primeira vez é em janeiro e a segunda em julho!


Dentro de uma cabine de um trem estão três homens e uma garota de fechar o comércio. Eles conversam, e rapidamente o tema fica francamente erótico. Aí a garota propõe:
- Se cada um de vocês me der 10 reais eu mostro minhas coxas.
Imediatamente os homens tiram 10 reais da carteira e lhe dão. Ela levanta a saia emostra as coxas. A conversa continua, cada vez mais erótica, e a mulher propõe outra vez:
- Se cada um de vocês me der 100 reais, eu mostro minha bunda.
Os homens estão todos excitados, e topam imediatamente. A garota levanta a saia evira-se para mostrar a bunda e continua:
- Agora, se cada um de vocês me der mais 200 reais, eu mostro onde fiz uma cesária.
Os homens estão cada vez mais excitados, e entregam o dinheiro. Aí a garota,apontando para um hospital pelo qual o trem está passando, diz:
- Alí!


Estava uma velhinha descansando com seu gato na cadeira de balanço na sacada da casa,refletindo sobre sua longa vida, quando - de repente - uma fada surge na frente dela e ainforma que ela tem direito a três desejos.
- Bom..., - diz a velhinha - creio que eu gostaria de ser muito rica.
*** Pufff *** a cadeira de balanço dela se transforma em puro ouro.
- Uau, eu acho que eu não me importaria de ser uma jovem e bonita princesa.
*** Puff *** ela se transforma numa jovem e bonita mulher.
- E o seu terceiro desejo? - pergunta a fada pra ex-velhinha.
- Bom, você poderia transformar meu gato num formoso príncipe?
*** Puff *** e diante dela está um jovem varão mais formosa que qualquer um poderiaimaginar. A ex-velhinha fica embasbacada olhando pro ex-gato, agora irmão gemeo do DiCaprio. Então, com um sorriso de aflouxar os joelhos de qualquer mulher, o rapaz se aproxima e susurra no ouvido da ex-velhinha:
- Garanto que agora você se arrepende de ter me mandado castrar...


As esposas de quatro chefes de estado estão conversando sobre o nome que se dá ao pênis em seus países.
A mulher de Tony Blair diz que na Inglaterra as pessoas chamam-no de CAVALHEIRO, porque ele levanta quando uma mulher entra.
A esposa de Boris Yeltsin diz que na Rússia ele é chamado de PATRIOTA, porque você nunca sabe se ele vai te pegar pela frente ou por trás.
A mulher de Jacques Chirac diz que na França o apelido é CORTINA porque ele baixa após o ato.
Hillary Clinton diz que nos Estados Unidos ele é chamado de BOATO, porque ele vai de boca em boca.


Joãozinho, depois de ter passado a noite vigiando a irmã que namorava no sofá da sala, conta para a mãe tudo o que viu:
- Mãe, a Suzana e o namorado apagaram a maior parte das luzes e sentaram-se. Ele ficou perto dela e comecou a abraçá-la. A Suzana deve ter comecado a ficar doente visto que a sua face comecou a ficar vermelha. O namorado deve ter percebido e colocou-lhe a mão pordentro da camisa para sentir o coração, demorando porém muito tempo a encontrá-lo.Penso que ele também comecou a ficar doente, porque ambos comecaram a arfar e aficar sem respiração. A outra mão dele devia estar fria, porque ele meteu-a por baixoda saia da Suzana, que comecou logo a escorregar para o fundo do sofá e a dizer quese sentia muito quente. Depois de algum tempo consegui ver o que estava realmente a provocar aquela doença: uma enguia enorme tinha saltado das calças dele, deveria ter uns 17 cm de comprimento. Assim que avistou-a Suzana agarrou-a para impedir que elafugisse.Disse então que era a maior que já tinha visto até aquele dia! Derepente, não sei porque, Suzana ficou brava e tentou matá-la comendo-lhe acabeça, mas parece que não conseguiu e ainda deixou-a escapar. Nisso o namorado dela tirou um saco de plastico do bolso e enfiou a enguia dentro, para que ela não tornasse a escapar. Ao ver isso, Suzana tentou ajudá-lo deitando-se de costas e prendendo a enguia entre as suas pernas enquanto o namorado deitava por cima dela. Nisso a enguia começou a se debater, mas eles, corajosamente, tentavam esmagá-la entre eles. Suzana gemia, gritava e o namorado quase que virava o sofá de tanto esforço. Passado algum tempo, ambos continuavam a gemer, a mexer até que soltaram um grande suspiro de alivo. O namorado dela levantou-se e por certo tinham matado a enguia. Eu sei que estava morta porque a vi dependurada. A Suzana e o namorado estavam cansados da batalha e sentaram-se no sofá ecomeçaram a confortar-se um ao outro. Para a animar ele comecou a beijá-la, e diabos me levem se a enguia que estava morta, não voltou a saltar e a luta recomeçou novamente. Mãe, eu penso que as enguias são como os gatos, tem sete vidas ou mais! Desta vez aSuzana saltou para cima dele e tentou matar a enguia sentando-se nela. Depois de uma luta de 35 minutos, acabaram finalmente por matar a enguia. Eu sei que desta vez ela morreu,porque vi o namorado da Suzana esfolá-la e jogar a pele pela janela!


O ministro da saúde está fazendo uma visita num hospital. Ele está passando por uma ala acompanhado do diretor do hospital, quando vê um homem num quarto masturbando-se ferozmente. A situação é meio contrangedora, e o ministro pede uma explicação. O diretor explica:
- Trata-se de uma doença rara. Este paciente produz uma quantidade anormal de esperma,e ele é obrigado a masturbar-se quatro vezes ao dia para evitar que seus testículos explodam.
O ministro se satisfaz com a resposta e prossegue a visita. Mais adiante, ele vê um paciente sentado numa cama com uma enfermeira ajoelhada aplicando-lhe uma bela sessão de sexo oral.
- Exijo uma explicação para esta imoralidade num hospital tão conceituado como este.
O diretor responde:
- Mesmo problema, plano de saúde melhor...


O sujeito está na cama com a amante quando ouve os passos do marido. A mulher manda-o pegar as roupas e pular pela janela. Ele reluta, porque está caindo uma chuva forte, mas,não tendo outro jeito, pula, e cai na rua, no meio de uma maratona. Ele aproveita e corre junto com os outros, que o olham de um jeito esquisito. Afinal, ele está pelado! Um outro corredor pergunta:
- Você sempre corre assim pelado?
- Sim! - responde o amante - É tão bom ter essa sensação de liberdade..
Outro corredor pergunta:
- Mas você sempre corre carregando sua roupas?
O sujeito não se dá por vencido:
- Eu gosto assim. Posso me vestir no fim da corrida e pegar o carro para ir para casa...
Um terceiro corredor insiste:
- Mas você sempre coloca uma camisinha quando corre?
O sujeito responde:
- Só quando está chovendo!


A garotinha de seis aninhos chega para o pai e pergunta:
- Papai, como foi que o Pedrinho nasceu?
Pego de surpresa, ele tenta resolver a situação da melhor maneira possível:
- Ele foi entregue por um lindo coelhinho branco...
- E o Luisinho?
- Ele foi encontrado dentro de uma linda flor no jardim...
- E eu?
- Você foi entregue por um pássaro enorme, com lindas penas azuis...
- Mas que droga! Já vi que ninguem trepa nesta casa!


O menino ia passando com a mãe, quando viu um jumento excitado.
- Mae, o que é aquilo embaixo do jumento?
- Vamos embora, filho! - respondeu a mãe, envergonhada!
- Mae! Mas eu quero saber o que é aquele negócio embaixo do jumento.
- Ah! Aquilo não é nada!
Ao que um senhor ao seu lado completou:
- Se aquilo não é nada, minha senhora, o seu marido deve ser um fenômeno!


Um casal está indo em lua-de-mel para Salvador. No vôo a garota diz que ela tem uma confissão a fazer: o motivo pelo qual ela nunca aceitou fazer sexo antes do casamento é que ela não tem seios, e ela ficou com medo de que o namorado não quisesse casar. O noivo responde que ela não precisa se preocupar, que afinal eles se amam, e que sexo não é tudo no casamento.
Pouco depois, é o noivo que diz que tem uma confissão a fazer. Ele mostra a barriga, e diz que o que ele tem logo abaixo é como um bebê, e que ele também não queria contá-la antes do casamento de medo que ela fosse romper o noivado. A noiva responde que ele não precisa se preocupar, que afinal eles se amam, e que sexo não é tudo no casamento.
Já mais aliviados por terem contado seus segredos, os dois vão para o hotel feito dois pombinhos apaixonados.
Quando vão para a cama, a noiva tira a roupa e realmente, ela não tem seio algum. É plana como uma tábua! E o noivo tira suas roupas também. A noiva dá uma olhada no noivo nu e cai no chão, desacordada. Quando ela volta a si, o noivo diz:
- Mas eu te avisei no avião. Por que você desmaiou?
- Você disse que era como um bebê - responde ela.
E ele diz:
- E é! 3 kg e 50 cm!


O sujeito estava assistindo a um jogo de futebol, no estádio, quando de repente sentiualguém apertando-lhe o ombro. Ele olhou para trás, e viu um sujeito baixinho que lhe sorria. Voltou-se para assistir o jogo, e alguns minutos depois sentiu o aperto no ombro novamente. Olhou para trás com cara de poucos amigos e lá estava o baixinho sorrindo. Pouco depois, outro aperto.
- Escuta aqui - gritou ele, com o dedo em riste no nariz do baixinho - Se você apertar o meu ombro novamente eu vou lhe dar um chute no saco.
O baixinho esboçou um sorriso sem graça e ficou quieto. Dois minutos depois, novo apertão. O sujeito perdeu a paciência e deu um tremendo chute na virilha do baixinho e, como este último continuava impassível, ele perguntou:
- Ei! Eu te dei um chute no saco tão forte que até o meu pé está doendo e você pareceque não sentiu nenhuma dor! Como?
- É que eu sou um alienígena, não tenho saco, por isso não senti nada!
- Então, como voces fazem sexo, no seu planeta?
- Assim ó... - e apertou-lhe o ombro novamente.


Um casal de jovens, recém-casados, eram tímidos ao ponto de não saber como pedir um ao outro, para fazerem amor. Desta feita, combinaram que, quando estivessem "afins", usariam um código. O código usado, seria "amorzinho, vamos levar as roupas pra lavanderia?".
Desta feita, numa noite, o rapaz chega em casa, do trabalho, e pergunta a sua esposa:
- Amorzinho, vamos levar as roupas pra lavanderia?
No que ela responde:
- Querido, estou com uma dor de cabeça danada. Vamos deixar pra depois.
Mais tarde a jovem, com pena do seu marido, o chama e diz:
- Querido, que tal irmos lavar as roupas agora?
No que ele prontamente repsonde:
- Agora não precisa mais, pois já lavei as roupas à mão mesmo!


O médico acaba de examinar o paciente e diz:
- Perfeito. O senhor está em ótima saúde. Continue assim.
- Bem... Doutor, há uma coisa que eu gostaria de dizer...
- Pois não - consente o médico.
- Eu gostaria de fazer uma vasectomia.
- É uma decisão importante! - exclama o médico - O senhor falou disso em casa?
- Pois é, doutor, deu 15 a favor e 2 contra...


- O que você está fazendo? - pergunta a mulher para o marido, que está fazendo a mala.
- Vou para a Austrália! - explica ele - Lá tem falta de homens e as mulheres estão pagando 50 dólares por trepada.
A mulher não responde, mas vai imediatamente pegar uma mala no armário, e começa, ela também, a enchê-la.
- Onde é que você vai? - estranha o marido.
Ela responde:
- Para a Austrália. Estou muito curiosa em saber como é que você se vira com 50 dólares por mês.


Três garotinhos estão brincando na casinha que construiram na árvore. O primeiro diz aos outros:
- Eu, se eu encontrasse uma lâmpada de Aladim, eu pediria que cobrisse o corpo de moeda de 1 real. Assim eu poderia comprar quantas balas eu quisesse!
O segundo continua:
- Pois eu pediria para me cobrir o corpo de moedas de ouro. Assim eu ficaria mais rico do que você e eu poderia comprar muito mais balas.
O terceiro retruca:
- Pois eu pediria para me cobrir o corpo de pelos!
Os dois amigos olham-no sem entender:
- Mas você ficou maluco? O que você vai ganhar com o corpo cheio de pelos?
E ele responde:
- Vocês não sabiam? É jóia! Minha irmã tem só um pouquinho na xoxota e vocês têm que ver o dinheiro que ela ganha!


Um velhote entra no confissionário e fala para o padre:
- Padre, tenho 80 anos, sou casado, tenho quatro filhos e onze netos. Comecei a tomar Viagra e na noite passada conheci duas garotas de 18 anos e transei com as duas. Duas vezes!
- Meu filho, - diz o padre - quando foi que você se confessou a última vez?
- Nunca, padre, eu sou ateu.
O padre, espantado, pergunta:
- Então por que você está se confessando?
- Quem está se confessando? Estou é contando prá todo o mundo!


É um sujeito muito seguro de si que entra num bar e senta ao lado de uma mulher linda. O sujeito lança um olhar ao sentar, e, de vez em quando dá uma olhada no relógio. A mulher acaba ficando curiosa e pergunta:
- Você está esperando alguém que está atrasado?
- Não. - responde o cara - É que acabei de comprar um relógio ultra-moderno e estou testando-o.
A mulher fica intrigada:
- E o que ele tem de especial, esse relógio?
- Ele se comunica com meu cérebro por ondas telepáticas.
- Uáu! - exclama a mulher - não acredito! E o que ele está lhe dizendo agora, por exemplo?
- Bem, ele me disse que você está sem calcinha - diz o cara com um sorriso.
A moça dá uma risada e responde:
- Ahah! Então seu relógio não funciona! Estou com uma calcinha vermelha novinha!
E o sujeito, contrariado, responde:
- Saco! Esse relógio está uma hora adiantado!


Uma moça ambiciosa de 23 anos quer ficar rica muito rápido. Ela decide casar com um homem de 73 anos, milionário, prometendo a si mesma matá-lo de trepada na noite de núpcias. A cerimônia é fantástica, com todo o luxo possível. E vem a primeira noite...
A moça tira a roupa e espera o marido de 73 anos na cama, pelada. Quando o marido sai do banheiro, ele está pelado também e a moça descobre estupefata que ele está com uma ereção, com o membro de uns 25 cm, e já coberto por uma camisinha. Além deste quadro incrível, ela constata que o marido tem dois chumaços de algodão nas mãos e um prendedor de roupa no nariz. Obviamente, ela pergunta:
- Querido, o que é que você vai fazer com isso?
E o marido responde:
- Há duas coisas na vida que eu não suporto: mulher urrando e cheiro de borracha queimada.


Um garoto chega em casa com um trabalho escolar para fazer. Ele pede uma ajuda ao pai:
- Papai, você pode me dizer a diferença entre 'potencial' e 'real'?"
O pai olha para o filho, pensativo, e diz:
- Vou te dar um exemplo prático. Procure sua mãe e pergunte se ela iria para a cama com o Robert Redford por um milhão de dólares.Depois você pergunte a sua irmã se, por um milhão de dólares ela iria para a cama com o Brad Pitt. Depois você volte e me conte o que você aprendeu.
O garoto não entende nada, mas decide fazer o que o pai pediu. Ele pergunta para a mãe:
- Mamãe, se alguém lhe desse um milhão de dólares, você iria para a cama com o Robert Redford ?
Ela olha disfarçadamente em volta, e, com um sorrizinho nas faces, diz:
- Não diga nada pro seu pai, mas, sim, eu iria.
Então ele vai para o quarto da irmã e pergunta:
- Mana, se alguém lhe desse um milhão de dólares, você iria para a cama com o Brad Pitt?
A irmã olha para ele e diz:
- Nooossa! Sem sombra de duvida!
O garoto volta para o pai e diz:
- Papai,acho que entendi. Potencialmente, estamos sentados em cima de dois milhões de dólares. Mas, na realidade, estamos morando com duas putas.


É um casal que está deseperadamente tentando ter um filho. Já consultaram todos os médicos, fizeram todos os exames, tentaram todos os métodos... Em vão. Até o dia em que ouvem falar de um super professor americano que consegue milagres. Eles compram uma passagem para os Estados Unidos e vão consultar co o professor.
Como eles não falam inglês e nem o professor fala português, este dá a entender por gestos que ele quer que eles pratiquem sexo para que ele possa diagnosticar. Inicialmente sem jeito, o casal começa a "trabahar". O professor os examina sob todos os ângulos, e depois de um tempo manda-os parar. Ele vai até a mesa dele e escreve uma receita.
Super feliz, o casal volta para casa. Assim que chega, o marido vai à farmácia e pergunta:
- O senhor tem Triteoterol?
O farmacêutico responde:
- Triteoterol?... Triteoterol?... Não conheço. O senhor tem a receita?
O sujeito dá a receita ao farmacêutico. Esse lê e responde:
- O senhor leu errado. Está escrito "Try the Other Hole"!


Várias amigas estavam de férias quando viram um hotel de 5 andares que tinha um cartaz que dizia: "Prostíbulo para Mulheres". As mulheres se exitaram com a idéia e como não estavam com seus namorados nem com seus pais decidiram entrar. O porteiro explicou o funcionamento do estabelecimento:
- Vocês podem ir subindo até o quinto andar. Onde encontrarem aquilo que procuram, ficam. É muito fácil descobrir pois há cartazes por todos os lados.
As mulheres subiram ao primeiro andar e em frente da porta encontraram um cartaz que dizia: "Aqui todos os homens tem o pênis curto e fino". As mulheres riram e sem pensar duas vezes subiram ao segundo andar. Em frente da porta, encontraram um cartaz que dizia: "Aqui todos os homens tem o pênis comprido e fino". Ainda não parecia bom o suficiente. Decidiram subir ao terceiro andar e ver o que encontravam por lá. Ao chegar, leram o aviso: "Aqui todos os homens tem o pênis curto e grosso".
Outra decepção. Decidiram então subir ao quarto, onde encontraram outro aviso: "Aqui todos os homens tem o pênis comprido e grosso".
As mulheres gritaram exitadas e estavam a ponto de entrar quando se deram conta que havia ainda um piso para explorar. Subiram rapidamente ao quinto andar, esperando pelo melhor, quando encontraram um outro aviso: "Aqui não tem homens. Este andar foi construído somente para mostrar que para as mulheres não existe pênis que as satisfaça!!".


Um padre e uma freira viajavam pelo deserto, quando de repente deu uma ziquizira no camelo e ele morreu.
Os dois, no meio do deserto, aquele sol abrasador, então a freira deu uma idéia:
- Padre, tiremos nossas vestes para que possamos fazer um abrigo do sol!
- Otima idéia, irmã!
Ficaram os dois peladões, embaixo da tenda improvisada. E ficaram um olhando para o outro.
O padre, cheio de sacanagem na cabeça, apontou pro meio das pernas da irmã e perguntou:
- Irmã, o que é isso?
- A padre, são coisas mortas!
Então foi a vez da irmã apontar pro meio das pernas do padre e perguntar:
- Padre, o que é isso aí?
- É um ressuscitador de coisas mortas, irmã!
Acendeu um brilho no olhar da irmã, e ela disse entusiasmada:
- Jura, padre?
- Sim, irmã.
- Então padre, RESSUSCITA O CAMELO!


O jovem casal, no auge da paixão, foi passar o fim de semana na casa de praia de um parente. Como a casa era pequena, iriam dormir na parte de cima do beliche, no quarto dos filhos do anfitrião, enquanto esses ficariam com a parte de baixo. Inspirados pelo saudável ar marítimo, resolveram fazer amor. Para disfarçar os gemidos, combinaram que, quando ela gozasse, falaria alface e ele quando gozasse, diria tomate. E foi assim a noite inteira: alface, tomate... alface, tomate...alface, tomate... A certa altura da noite, um dos meninos acordou e reclamou:
- Ei, vocês dois aí em cima, vamos parar com essa salada que a maionese está caindo aqui embaixo!


Está um calor dos diabos e três garotos estão voltando da escola. Numa casa os meninos vêem uma garota na piscina totalmente pelada. Lógico, os garotos param para olhar pela cerca (se fossem mais velhos seria a mesma coisa). De repente um dos garotos sai correndo para casa. os outros dois se assustam e vão embora também.
No dia seguinte, a moça está de novo pelada na piscina e os três moleques olham pela cerca. Mesma coisa, o garoto sai correndo para casa e os outros dois vão embora também.
No terceiro dia acontece a mesma coisa. Mas na hora em que o garoto vai sair correndo, os outros dois o seguram e perguntam:
- O que foi? Você não gosta de ver mulher pelada?
- Lógico que gosto! - responde o garoto - Mas minha mãe disse que se eu ficar olhando mulher pelada eu vou virar uma estátua de pedra. E eu já estou começando a endurecer!


Esse senhor todo circunspecto levas as três filhinhas no zoológico. Uma das meninas diz:
- Papai, o que são esses dois bichos com pescoço grande?
- São girafas, minha filha - responde o pai.
A segunda pergunta:
- Por que é que uma delas morde o pescoço da outra?
- São beijinhos, minha filha.
- Papai, por que é que aquela está sobre a outra? - pergunta a terceira - Não vai machucá-la?
O pai fica sem jeito e fala ao funcionário que está passando por ali:
- Olha, isso não é um espetáculo para crianças, precisa fazer alguma coisa...
- Qual é o problema com essas girafas? - pergunta o funcionário.
- Mas o senhor está vendo, elas estão...
Uma das meninas diz:
- Papai! Papai! Uma das girafas está gritando. O que é que ela tem? Tá doente?
- Não é nada, minha filha, não é nada.
E ao funcionário:
- Olha, é inacreditável. O senhor tem que fazer alguma coisa... Qualquer coisa... Sei lá... Dê uns biscoitos!
E o funcionário responde:
- O senhor pararia com uns biscoitos?


- Mamãe, bunda amarrota?
- É claro que não! Porque?
- Eu ouvi o papai falando para um amigo dele que ia passar o ferro na bunda da empregada!


O rapaz de 15 anos chega na farmácia e pede uma camisinha. O farmacêutico olha pro rapaz com um olhar indignado.
- É que eu vou jantar na casa da minha namorada - justifica-se o garoto - e nunca se sabe... de repente, pode rolar um clima... O farmaêutico entrega o preservativo pro rapaz, este paga e vai embora.
Volta 5 minutos depois e pede outra camisinha.
- Lembrei que a prima da minha namorada também vai estar lá... E ela é muito bonita! Talvez ela se interesse por mim... É bom garantir. O rapaaz embolsa a segunda camisinha e vai embora.
Volta logo depois:
- Sabe moço, acho melhor levar mais uma. Eu ouvi que a mãe dela gosta de rapazes novos e quem sabe ela também se interesse por mim.
À noite, no jantar, a família toda à mesa, o rapaz fica o tempo todo no mais absoluto silêncio. A certa altura a menina cochicha para o rapaz:
- Puxa, querido, você não falou uma palavra. Não sabia que era tão tímido.
- E nem eu sabia que o seu pai era farmacêutico.


Tava o irmão comendo a irmã, quando ela disse:
- Poxa, você não transa feito o papai!!
- É, mamãe já me disse.


- Pai, hoje tive minha primeira experiência sexual!!
- Que legal, filhão, senta aqui e me conta.
- Ah, Pai, sentar não dá ...


Perguntaram pro padre:
- Padre, o que você acha do sexo antes do casamento?
- Se não atrasar a cerimônia, pode usar a sacristia!!


-Mamãe, hoje eu tive aula de educação sexual!!
- Que ótimo, filhinho, o que você achou?
- Legal, pena que as carteiras sejam tão desconfortáveis.


O cara morava no apartamento em frente ao da Tiazinha e, como e natural, morria de tesãopor ela. Um dia, não se aguentando mais, resolveu se declarar. Tocou a campainha,ela atendeu e ele foi direto ao assunto:
- Sabe o que é Suzana? Eu estou louco por você. O que você quer pra passar uma noitecomigo? Pode pedir qualquer coisa.
- O que você tá pensando que eu sou? É claro que eu não vou passar uma noite com você.
- Pô Suzana, então passe pelo menos uma hora comigo. Eu sou um cara rico, posso tedar qualquer coisa.
- Não.
- Meia hora?
O cara implorou e ela resolveu dar uma colher de chá:
- Tudo bem, só tem uma coisa no mundo que eu quero e não consegui.
- Pode pedir!
- Sabe o Tião que mora no andar de cima? Pois é, ele tem um curió, e eu sou doidapelo curió, mas o Tião não dá, não vende e nem troca o curió por nada! Eu játentei de tudo. Se você me conseguir o curió eu passo uma noite inteira com você.
- Tudo bem, eu compro um curio pra você.
- Se fosse pra comprar, eu mesma comprava. Eu quero aquele curió. O curió do Tião éespecial. Por isso ele não se desfaz dele.
O cara topou o desafio. Foi até o apartamento do Tião e tocou a campainha. O Tião(um guarda-roupas) atendeu a porta.
- Pois não? - Sabe o que é, você tem um curió, não tem? Pois é, eu tô louco pra transar coma Tiazinha, e ela só aceita se eu levar esse curió de presente. Quanto é que vocêquer por ele.
- Eu nao vendo meu curió por dinheiro nenhum nesse mundo, não adianta insistir.
- Eu topo qualquer negócio, é só voce falar que eu faço qualquer coisa pravocê me dar esse curió!!
- Só tem uma coisa que me faria te entregar esse curió.
- O que é?
- Eu nunca comi a bunda de um homem, nem garoto de programa aceita sair comigo. Sevocê liberar o seu, eu te dou o curió.
O cara pensou bem, avaliou os prós e os contras e concluiu que era por uma boa causa,ele entrava na vara mas depois passaria uma noite com a Tiazinha, e com o curióna mão poderia negociar uma semana, ou um mês, quem sabe?
- Tudo bem, eu topo, mas eu não confio em você! ~Eu quero o curió na minha mão.
- Fechado.
O Tião entregou o curio na mao do cara e começou a cobrar a dívida. Quando eleenfiou a cabeça o cara já comecou a gemer, então ele foi devagar pra nãomachucar muito. Depois que o Tião já tinha enfiado a metade da vara, ocara passou do gemido pro choro descontrolado. Então o Tião perguntou:
- Tá chorando porquê? Tá doendo tanto assim? - Naaao, eu matei o curió!!!!

Atualização do dia 15/12/2000

Uma vez aconteceu a maior suruba no reino animal. Era girafa transando com jacaré, zebra com papagaio, lagartixa com rinoceronte, etc... O leão, rei dos animais, não estava gostando nada daquilo, e falou:
- O bando de animal! Vamos dá um jeito nisso! Assim não dá! Desse jeito o reino animal vai acabar. Vocês tão fazendo uma suruba sem vergonha, tão espalhando doença pro reino todo! Pelo menos vocês poderiam fazer que nem o jumento, que esta usando camisinha!
Aí o papagaio falou:
- O leão! Pera aí! O jumento não ta de camisinha não! Ele ta comendo a cobra!


O zoológico acaba de comprar uma gorila magnífica. Algumas semanas depois ela começa a mostrar sinais de agitação. O veterinário do zoológico descobre que a gorila está no cio, e que o melhor seria arrumar rapidamente um macho para ela não começar a ficar agressiva.
O diretor faz uma consulta a todos os zoológicos do país, mas nenhum gorila em idade de acasalamento está disponível. Todo mundo está procurando uma solução quando um vigilante tem uma idéia:
- O Tonho, que cuida da limpeza das jaulas, um sujeito meio simplório, tem a fama de ser um tarado, sempre pronto a comer o que lhe aparece na frente.
Não tendo nada a perder, e sem nenhum escrúpulo, o diretor chama o Tonho na sua sala e propõe:
- Olha, Tonho, o zoológico precisa de você. Você sabe que a gorila nova está no cio. Nós cansamos de procurar um macho, mas não encontramos nenhum. Mas é importantíssimo que ela seja comida durante o cio. Eu não vou fazer nenhum rodeio: você não toparia trepar com a gorila por mil reais?
Tonho parece pensar, e responde:
- Pode ser que me interesse, mas quero primeiro pensar um pouco.
- Posso lhe dar a resposta amanhã?
No dia seguinte, o Tonho diz ao diretor que ele aceita a oferta, mas sob três condições.
- Primeiro, eu não quero ter de beijá-la.
- Segundo, não quero saber de nada com relação aos filhos que poderão nascer.
O diretor pergunta qual é a terceira condição.
- Quero uma semana para arrumar os mil reais.


O cara era muito, muito gordo e descobriu um spar que garantia resultados realmente rapidos. Chegando la, pediu informacoes sobre o preco:
- Bem, nos temos dois pacotes - explicou o gerente. - No primeiro, voce paga cem reais e perde 10 quilos em dois dias. No segundo, o preco e' maior: mil reais. Mas voce perde 30 quilos no mesmo
tempo.
Ele se decidiu pelo plano mais barato e foi para seu quarto desfazer
as malas. De repente, entra em seu quarto uma loira maravilhosa
que diz:
- Se voce me pegar, voce me come!
Ele saiu feito louco atras da loira, correu pelo spa inteiro e nada de conseguir alcanca-la. Depois de meia hora correndo, descobriu que ja tinha perdido 2 quilos! Ele pensou e concluiu que, se por cem Reais tinham mandado um loira daquelas, imagine se pagasse os mil Reais! Pensou mais um pouco e resolveu que valia a pena.
Imagine so! Um morena, uma ruiva, depois outra loira... Pagou os mil Reais e foi pro quarto esperar. Minutos depois, entra pela porta um negao, que vai logo avisando:
- Se eu te pegar, te como!


A garota casa-se e vai viajar em Lua de Mel.
A mae, preocupada com a felicidade sexual da filha, pede para ela lhe ligar sempre que possivel para contar como o novo marido esta se saindo.
- Mas, mamae! E se ele tiver do meu lado...
- Nao tem problema, minha filha! Vamos usar um codigo! Vamos falar em bifes, cada transada um bife, entendeu?
- OK!
E a moca viajou. Dois dias depois liga para a mae:
- Ontem ele comeu um bife!
Na semana seguinte:
- Ele comeu so dois bifes essa semana!
Na outra semana:
- Essa semana ele comeu so um bifinho...
Inconformada, a mae adverte:
- Nao e possivel, minha filha! Esse rapaz deve ter algum problema serio... veja o seu pai! Ja estamos casados ha mais de 20 anos e so ontem ele comeu tres bifes, uma rabada e ainda lambeu a
frigideira!


O indio chega num bordel e pede:
- Indio quer mulher gostosa!
Ao que a dona do bordel pergunta:
- E a primeira vez?
- Sim, primeira vez!
- Entao procura um buraco de uma arvore pra você aprender e depois volta aqui! Na semana seguinte, o índio volta, todo euforico.
- Indio quer mulher gostosa! Indio agora tem experiencia!
A dona indica uma das meninas, e os dois vao para o quarto. Assim que a garota ficou nua, deitou-se na cama e abriu as pernas, o indio sacou uma vara de bambu e enfiou na gruta
da garota.
- O que voce está fazendo? - reclamou ela.
- Indio quer saber se tem abelha no buraco!


Domingo, fim de tarde e la vai o bom e exemplar pai levar seu filhinho de quatro anos para um ecologico passeio pelo parque.
De repente, no meio do passeio, eles avistam dois cachorros cruzando. O menino, rapidamente pergunta ao pai:
- Pai, olha so que negocio estranho. O que esta acontecendo com aqueles cachorrinhos?
O pai, ainda sob impacto da cena, responde:
- Ah, isso chama-se solidariedade.
- Solidariedade? O que e' solidariedade, papai?
- Bom, meu filho. Por exemplo, o cachorinho que esta atras deve ter quebrado as patinhas da frente e seu o amiguinho cachorrinho esta levando ele pra casa.
- Hum! A solidariedade e' sempre dificil assim, papai?
- Como assim, meu filho?
- Ue, enquanto ele esta sendo solidario ainda tem que levar na bunda!


Uma moca tenta subir no onibus, mas a saia que veste e' tao apertada que nao consegue levantar a perna. Ela estica entao a mao para tras, abre o ziper e tenta subir novamente, mas continua sem conseguir.
Ja um tanto irritada, repete a operacao e tenta uma segunda vez, porem de novo sem sucesso. Quando esta na terceira tentativa, sente duas maos fortes que a seguram firmemente pela cintura,
a levantam e transportam ate' perto do motorista.
- Mas quem lhe permitiu? - se vira e pergunta indignada para o sujeito que estava atras dela.
- Bem, - respondeu o rapaz, sorridente. - depois da segunda vez que voce baixou o ziper da minha calca, achei que nos tinhamos intimidade suficiente...


Dois pênis discutem diante da porta de um cinema.
- Vamos assistir esse aqui! - diz o primeiro, apontando para um cartaz.
- Não, eu quero assistir aquele outro - discorda o segundo.
- Mas esse daí é pornográfico!
- E daí?
- Daí que vamos ter de ficar em pé!


* A velhinha entra num sex-shop, toda trêmula, e pergunta ao vendedor:
- Voocêêê teeem viiibrrrradddooorrrrreeess?
- Temos sim senhora! De vários modelos...
- Teeeemmmm daaaaquueeeeleeesss immmpooortaaadooosss, de ciiinncoooo veloooociiiidaaadeeess?
- Temos sim, senhora!
- Ennntããão, meeee mooostrrraa cooomooo é quuueee eu faaaçooo paraaa dessliiiigaaar essstaaa meeerrrrdaaaa!


* Outra velhinha entra no mesmo sex-shop e pergunta para o vendedor:
- você vende vibradores aqui?
- sim - responde ele - estão naquela parede - e aponta.
- eu vou querer aquele vermelho alí.
- minha senhora, é do extintor de incêndio para a esquerda.


Durante uma visita interplanetária de cortesia, um casal de marcianos sugeriu a seus anfitriões da Terra uma noite de troca de casais.
Tudo acertado, a mulher da Terra foi para o quarto com o marciano e, no inicio, se decepcionou ao ver que o órgão sexual do seu parceiro tinha dimensões muito reduzidas.
Mas logo o marciano começou a torcer a orelha direita e depois a orelha esquerda e seu órgão sexual foi aumentando de extensão e volume até atingir proporções realmente extraterrestres.
Na manha seguinte, muito satisfeita, a mulher perguntou ao seu marido o que ele tinha achado da
experiência dele.
- Não deu para fazer nada- lamentou-se ele.- A marciana é doida. Passou a noite inteira torcendo
minhas orelhas.


Era uma vez uma fazenda onde morava um casal com uma vaca leiteira.
Certo dia a vaca amanheceu morta e a dona da casa levantando-se de manhã, deparou-se com a cena.
Inconformada ela suicida-se.
Pouco depois o marido levanta-se e vê a esposa e a vaca mortas. Também inconformado suicida-se.
Logo depois levanta também o filho mais velho do casal e vê todos mortos. Também inconformado com a tragédia, dirige-se p/ o rio para se suicidar afogado.
Chegando no rio, depara-se com uma sereia muito gostosa. Conversando com ela ele abre o jogo explicando o porque quer se suicidar. A sereia diz:
- Se transar comigo e conseguir dar três, eu trago todos eles de volta com uma mágica.
Ele topou: Foi a primeira,a segunda e na terceira ele falhou e a sereia o matou.
De volta na casa, acorda o filho do meio do casal. Também inconformado vai até o rio e conversa também com a sereia, e ela diz:
- Se transar comigo e conseguir dar sete, eu trago todos eles de volta com uma mágica.
Foi a primeira, segunda, terceira, quarta, quinta, sexta e na sétima ele falhou e foi morto pela sereia.
Em casa novamente acorda o filho mais novo do casal, também inconformado vai até o rio encontra a sereia, explica novamente tudo, e ela diz:
- Se transar comigo e conseguir dar TRINTA E CINCO, eu trago todos eles de volta com uma mágica.
E ele responde:
- Mas, a vaquinha não aguentou, será que você aguenta?


Um turista brasileiro, um norte-americano e um japonês se encontram num restaurante em Paris. Os três começaram a conversar e, depois de umas biritas, já estavam contando vantagem. O japonês falou:
__ No meu pais, construíram um navio enorme ... enorme e pesado... O casco do navio toca o fundo do mar!
__ E' mentira!!! - reagiram os outros dois. O japonês deu um sorrisinho maroto e disse:
__ Tocar, non toca... mas faltam so' dois dedos, ne'? Ai', foi a vez do norte-americano contar a sua vantagem:
__ No meu pais, construíram um edifício tão alto, mas tão alto, que toca no céu! Os outros dois reagiram:
__ E' mentira!!! E o norte-americano: __ Tocar não toca, mas... faltam so' dois dedos!
O brasileiro não quis deixar por menos e disparou:
__ No meu pais, uma mulher teve um filho pelo cu'! Os outros reagiram:
E' mentira !!! E o brasileiro, sacana:
__ Não foi pelo cu'... mas faltaram so' dois dedos!


Aquela garota era um fenômeno de beleza e gostosura, mas o pessoal dizia que ela era maluca. E o sujeito resolveu conferir. Pegou a garota no escurinho, agarrou seu pescoço e disse:
__ O que e' isso que eu to pegando, Nininha? _
_ No meu pescoço! __ respondeu ela. Ele desceu a mão e perguntou:
__ O que eu to pegando agora?
__ Nas minhas tetinhas! Ele desceu ainda mais a mão e perguntou de novo:
__ E agora, o que e' que eu to pegando?
__ No meu umbiguinho... Ele não conseguiu resistir e, enfiando a rola na buceta dela, perguntou:
__ E ... agora ... o que eu to pegando, hein?
__ AIDS ... __ disse ela.


Era uma vez um casal de recém-casados que resolveu viver so de sexo. Chegaram a esta conclusão devido ao alto custo de vida, inflação, aluguel, toda aquela droga lá do Brasil. Era sexo de cafe-da-manha, almoço, lanchinho, jantar e snack antes de dormir - a maior festa. Certo dia o cara chega em casa já meio atrasado e encontrou a esposa peladinha da silva subindo as escadas e descendo pelo corrimão, subindo e zoooooommmmmm... escorregando pelo corrimão. Curioso o marido, já com fone depois de um dia de trabalho, perguntou;
- Bem, o que você esta fazendo ai deste jeito ?
- Esquentando o jantar.


O rapaz leva a namorada para o motel. Chegando la, ela tira a roupa, deita-se na cama, abre as pernas e sussurra com voz languida:
- Vem, me faz sentir mulher!
- O rapaz tira as roupas, joga-as em cima da moca e diz:
- Toma, lava!

Atualização dia 02/12/2000

Certo dia uma mulher grávida de trigêmeos estava na fila de um banco quando um assaltante invade o local e lhe dá três tiros na barriga acertando uma bala em cada bebê.
Como só acontece em piadas sem graça, a mulher conseguiu sobreviver juntamente com os seus filhos. Passados exatamente onze anos, um dos filhos da mulher vem correndo em sua direção e fala:
- Mãe! mãe! Eu estava no banheiro fazendo xixi, quando de repente uma bala saiu pelo meu pipi!
Então a mãe lhe explicou o incidente ocorrido durante sua gravidez.
Dias depois veio o outro filho com a mesma conversa:
- Mãe! mãe! Eu estava no banheiro fazendo xixi, quando de repente uma bala saiu pelo meu pipi!
Ela também lhe explicou a história do assalto.
Logo em seguida, veio o terceiro filho, gritando todo aflito.
- Já sei! Já sei! Disse ela, você também estava fazendo xixi e de repente uma bala saiu pelo seu pipi, não é?
- Nada disso, mãe! Eu estava batendo uma e matei a empregada!


Nem bem o dia amanheceu a velhinha acordou para ir à feira.
Quando passava diante da delegacia viu uma fila de jovens garotas com as pernas de fora. Curiosa, abordou a última da fila:
- Me explica uma coisa, menina... Pra quê essa fila?
A garota, com dezoito anos recém-completados, envergonhada, resolveu mentir:
- É pra pegar autorização para colher laranjas no sítio da prefeitura!
- Oba! Eu adoro laranjas! - e postou-se logo atrás da ruivinha.
Quando chegou a vez da velhota, o delegado indignou-se:
- Mas vovó, a senhora nessa idade ainda trepa?
- Trepar eu não trepo, mas chupar eu chupo!


Qual a Diferença entre o sexo e o futebol?

No futebol, como no sexo, as pessoas suam ao mesmo tempo, avançam e recuam, quase sempre vão pelo meio, mas também caem para um lado ou para o outro. Às vezes há um deslocamento. Nos dois é importantíssimo ter jogo de cintura.No sexo, como no futebol, muitas vezes acontece um cotovelaço no olho sem querer ou um desentendimento que acaba em expulsão. Aí um vai para o chuveiro mais cedo. Dizem que a única diferença entre uma festa de amassoe a cobrança de um escanteio é que na grande área não tem música: o agarramento é o mesmo e no escanteio também tem gente que fica quase sem roupa. Também dizem que a diferença entre o futebol e o sexo é como a diferença entre a camiseta e a camisinha. Só que essa diferenção não é assim para valer: a camisinha, como a camiseta, tanto pode vestir um craque como um medíocre. Ou seja, ela não faz distinção. No sexo, como no futebol, você amacia no peito, bota no chão, cadencia, e tem que ter uma explicação pronta na saída para o caso de não dar certo. No futebol, como no sexo, tem gente que se benze antes de entrar e sempre sai ofegante. No sexo, como no futebol, tem feijão com arroz, mas também tem o requintado, a firula e o lance de efeito. E, claro, o lençol. No sexo também tem gente que vai direto no calcanhar. E tanto no sexo quanto no futebol o som que mais se ouve e aquele "uuu". No fim sexo e futebol só são diferentes, mesmo, em duas coisas. No futebol não pode usar as mãos. E o sexo, graças a Deus, não é organizado pela CBF.


O japonês conseguiu arranjar uma namorada gostosíssima, mas nunca tinha feito sexo com ela, porque tinha medo de não conseguir satisfazê-la, dado o tamanho do seu órgão genital. Até que um dia, ele foi buscá-la em casa e encontrou-a só de calcinha.
- Eu quero hoje! - ela pediu, lânguida.
- Non, japonês só pode fazer sexo depois de casado, né?
- Então, você só põe a cabecinha...
Aí ela fez um biquinho tão lindo que o japonês não agüentou e voou pra cima da moça.
Empolgado, esqueceu-se da promessa e pôs tudo.
A garota começou a gemer e implorou:
- Vai, japonês... coloca tudo!
- Non... non... trato é trato!


Certo dia, a Cinderella estava louca para ir ao baile que o príncipe estava oferecendo. Só havia um problema, ela estava menstruada, e não tinha absorvente.
Desesperada ela chamou a fada madrinha! A fada logo veio socorrê-la, transformando uma abóbora em um OB!
Cinderella então foi toda feliz para o baile, cheia de amor pra dar! Mas algo trágico aconteceu...
À meia-noite em ponto, a Cinderella morreu!


O leiteiro tentava há semanas cobrar a conta do leite, mas o casal não pagava. Vendo que as chances de receber em dinheiro eram poucas, e que a mulher era muito atraente, o leiteiro resolveu fazer uma proposta inusitada:
- Se a senhora topar fazer sexo comigo, eu esqueço do que me deve.
- Ok! - respondeu a mulher com um sorriso malicioso - mas meu marido não pode nem suspeitar. Venha amanhã às oito.
No horário combinado, o leiteiro chegou à casa, viu que a porta estava aberta e - dominado pelo desejo - foi tirando a roupa. Chegou pelado no quarto, com seu membro duro na mão. Porém,
não viu a gostosa e sim o marido dela, que tinha se atrasado e ainda estava na cama.
- O que você está fazendo?! - perguntou indignado o marido.
E o leiteiro, percebendo que tinha entrado numa fria, reagiu:
- Ou você me paga, ou eu te mijo todo


Um cara comprou um vidro de Viagra com trinta cápsulas.
Encontrou um amigo na rua e, eufórico, convidou-o para uma suruba.
- Vamos lá, cara. Convidei dez mulheres, vai ser demais! Estou com esse vidro de Viagra aqui, a gente divide...
- Corta essa, cara. Esse remédio ainda nem foi testado direito, é o maior risco...
- Risco nada... São dez mulheres, vamos dividir as cápsulas... Quinze para cada um...
- Não vou e pronto!
Dois dias depois eles tornam a se encontrar.
- E aí, cara, como é que foi a suruba? - perguntou o que tinha sido convidado.
- Nem te conto, cara! As mulheres não apareceram! - respondeu
o outro, mostrando o braço direito engessado.


Aquela morena lindíssima liga para o seu obstetra:
- Doutor, será que por acaso não esqueci minha calcinha aí no consultório?
Depois de uma espera, o médico respondeu:
- Acho que não está aqui, não.
- Desculpe incomodar, doutor! Vou tentar com o dentista!


Três amigos, iniciando uma viagem de vários dias à negócios conversam sobre a despedida que tiveram com a esposa:
- Essa noite eu fiz sexo três vezes com minha esposa e, antes de sair, pela manhã, ela me jurou amor eterno! - comentou o primeiro.
- Só três? - lamentou o segundo. - Eu e minha esposa fizemos sexo cinco vezes essa noite e pela manhã ela me disse que eu era o melhor amante do mundo.
Como o terceiro continuava quieto, os outros dois perguntaram:
- E você, deu quantas esta noite?
- Uma!
- Só uma? E o que foi que a sua esposa disse hoje de manhã?
- Não pare, por favor! Não pare!


O pesquisador pergunta à dona-de-casa:
- A senhora costuma ter relações durante o dia?
- Sim, pelo menos três vezes por semana.
- E, durante o ato, fala com seu marido?
- De jeito nenhum. Ele não gosta que eu fique ligando para o escritório dele.


Sentados no gramado do jardim, o casal de velhinhos resolve reviver o passado. A velha levanta a saia e o velho enfia a cabeça no meio das pernas dela. Pouco depois ela reclama:
- Querido, tire os óculos! Eles estão machucando as minhas coxas!
E no minuto seguinte:
- Querido, põe os óculos! Você está chupando a grama!


Vitima da rotina proporcionada por 20 anos de vida em comum, aquele casal já estava fazendo aniversario de abstinência sexual.
Todas as noites, o marido sentava-se na cama, com um livro apoiado nos joelhos e ficava horas e horas lendo.
Até que um dia, a esposa não agüentou mais. Comprou uma lingerie extremamente sensual, produziu-se toda, perfumou-se, deitou-se ao lado dele e com voz languida, sussurrou:
- Meu bem, hoje estou tão molhadinha...
Imediatamente ele esticou o braço em direção ao sexo da mulher e acariciou-a durante alguns segundos para logo em seguida voltar a leitura.
- Ué, por que você parou? - reclamou a mulher, indignada.
- Parou o que?
- Parou de me acariciar.
- E quem disse que eu estava te acariciando? Eu só queria molhar o dedo para virar a pagina.


O judeu foi na zona, escolheu uma menina e foi logo perguntando:
- Quanto?
- 50 paus - responde ela.
- E com sadomasoquismo?
- E'  para voce me bater ou apanhar?
- Para eu te bater!
- E voce bate muito?
- Nao, so ate'  voce devolver o dinheiro!


Tres amigos estão no meio de uma pescaria.
- Esta pescaria vai me custar caro - comentou o primeiro. - Tive que prometer a minha mulher que iria almocar com a mãe dela neste final de semana.
- Pra mim, vai custar mais caro ainda - comentou o segundo. - Tive que prometer a minha mulher lavar a louça do jantar durante uma semana.
- Pra mim saiu de graça - emendou o terceiro. - Assim que acordei eu disse a minha mulher: "Hoje eu gostaria de passar o dia inteiro trepando ou pescando, o que voce prefere meu bem?"


O casal esta passeando no shopping e de repente a mulher pede que o marido lhe compre um lindo biquine exposto em uma vitrina.
- De jeito nenhum! - resmunga ele. - Com esse corpo de máquina de lavar? Nem pensar!
Continuam o passeio, logo depois a mulher pede que o marido lhe compre um vestido.
- Com esse corpo de maquina de lavar? Nem pensar!
A noite, antes de deitar, o marido convida:
- E ai, benzinho? Vamos colocar esta maquina de lavar para funcionar?
E a mulher:
- Para lavar esse pedacinho de pano? Nem pensar! Se quiser, lave-o a mão!


O rapaz passava a primeira noite com sua noiva. Após várias sessões de amor, adormeceram. De madrugada, ele começou a gritar. Ela o acordou e ele, com voz trêmula, explicou que tinha tido um pesadelo. Sonhou que estava dependurado à beira de um precipício, e que só não caiu porque se agarrou desesperadamente a um arbusto.
-- Agora já passou -- disse ela, confortando-o. -- Fique tranqüilo e volte a dormir.
-- Já estou mais calmo. Durma também, querida.
-- Tá, meu amor. Só estou esperando você tirar a mão do arbusto.


O rapaz perguntava à noiva, muito desembaraçada:
-- Me diz, benzinho, eu sou o primeiro que faz isso com você?
-- Que pergunta mais boba! Ainda não sei que posição você vai usar!


Curiosidade:

Vocês sabiam que na antiga Inglaterra as pessoas que nao fossem da família Real tinham que pedir autorizaçao ao Rei para terem relações sexuais?
Por exemplo: Quando as pessoas queriam ter filhos, tinham que pedir consentimento ao Rei que então, ao permitir o coito, mandava entregar-lhes uma placa que deveria ser pendurada na porta de casa com a sigla F.U.C.K. (Fornication Under Consent of the King). Daí a origem da palavra.
Já em Portugal as pessoas eram obrigadas a ter relações, F.O.D.A. (Fornicação Obrigatória por Despacho Administrativo). Quem não tivesse relações tinha que ter na porta a seguinte sigla P.A.N.E.L.E.I.R.O (Por Autorização Normativa Este
Lar Está Isento de Relações Oficiais). Quem fosse solteiro ou viúvo tinha que ter na porta a sigla P.U.N.H.E.T.A. (Processo Unilateral de Normalização Hormonal por Estimulação Temporária Auto-Induzida)

SEÇÃO REFORMULADA!!!

Mande a sua piada também, para gabipe2@bol.com.br ou via ICQ (62265570). Obrigado pela visita e volte sempre para curtir as atualizações!!!

Hosted by www.Geocities.ws
GridHoster Web Hosting
1