Leão

Seu nome científico é Panthera leo da ordem dos Carnivora (Carnívoros) e da família Felidae (Felinos). A agilidade, o rugido, a juba, a força e a aparência majestosa são atributos que deram ao leão o título de "rei dos animais". Quando ele ruge na noite africana, semeia o terror entre os animais da savana. Seu grito, porém, é apenas um sinal de que ele está tranqüilo e bem-humorado. O leão é um dos maiores mamíferos carnívoros, e pesar de 150 a 220 kilos. O macho adulto é o único felino dotado de juba, uma "massa" de pêlos longos que cobre toda a cabeça com exceção da cara, e desce pelo pescoço até o peito.

LEÃO.jpg (32131 bytes)

Pela ordem, são estas as presas favoritas do leão: gnu, zebra, gazela-de-Thomson, girafa, antílope-saltador, alcélafo, facoquero. Os "comedores de gente" são leões velhos, solitários, fracos para caçar, que acidentalmente abatem os homens.

A função do macho é proteger e defender o território. Às fêmeas, mais rápidas e ágeis, compete caçar, abastecendo o bando de alimento. Em geral as leoas caçam em grupo; umas se escondem entre a vegetação e outras rodeiam a presa, forçando-a  na direção das companheiras escondidas, onde se dará o bote final.

VEGE.jpg (14331 bytes)ATAQUE.jpg (11383 bytes)

Mesmo tendo as fêmeas abatidos a presa, o macho é o primeiro a alimentar-se. Só depois que ele está satisfeito, as leoas e os filhotes têm vez.

COMI.jpg (5466 bytes)DIVI.jpg (7562 bytes)

Satisfeitos depois de devorar a presa, os leões descansam, em zonas rochosas ou de vegetação rasteira; alguns preferem troncos baixos de árvores.

DESCA.jpg (5207 bytes)LEOA.jpg (5124 bytes)

Os filhotes gozam de atenção e do carinho do bando. São lambidos e estimulados a brincar porque a brincadeira é uma espécie de treinamento para as lutas do futuro.

PAIEFIL.jpg (6107 bytes)GOZAM.jpg (5714 bytes)NAMO.jpg (6186 bytes)

Ao nascer, a pelagem dos filhotes de leão tem pintas. À medida que ele vai crescendo, as manchas descolorem e desaparecem na pelagem pardo-amarelada.

FIL.jpg (2569 bytes)

Sob a proteção da mãe e do bando, o filhote aprede a caçar e a sobreviver. Aos 2 anos, já pode ser considerado independente.

SOBRE.jpg (4591 bytes)MÃEEFIL.jpg (5781 bytes)

Mamíferos

  Aves

  Répteis

  Peixe

Hosted by www.Geocities.ws
GridHoster Web Hosting
1