Rayearth - Lucy e Nova
Introdução

Lucy usa magia

Uma belíssima história, recheada de ação, emoção e uma certa dose de questionamentos. Assim é Guerreiras Mágicas de Rayearth (ou Magic Knight Rayearth, se preferir). Para entender essa história, só mesmo assistindo ao anime. Mas aí vai uma pequena idéia da história para os que não assistiram Rayearth não se perderem (pelo menos não aqui no Mirror).

No princípio, tudo parecia normal na história: três garotas foram convocadas de Tóquio para um mundo místico chamado Zefir pela princesa desse mundo, a Princesa Esmeralda. Ela, como Pilar de Zefir, mantinha a harmonia de seu mundo com sua força de pensamento e orações. Até que foi raptada por Zagar, o sacerdote/feiticeiro que outrora fora seu guardião pessoal, e impedida de orar. Sem as orações da Princesa, esse mundo místico entrou em processo de destruição. E era aí que entravam as três garotas: Lucy, Marine e Anne, convocadas da Terra por Esmeralda, deveriam se tornar Guerreiras Mágicas (Lucy, do fogo, Marine, da água, e Anne, do vento) para salvar a Princesa e Zefir. Para tanto, elas deveriam dominar seus novos poderes mágicos, conseguir armas mágicas de mineral Escudo com a forjadora de armas, despertar os três Gênios (formas de vida semelhantes a robôs gigantes) e destruir o causador do mal no mundo: Zagar. Bom, pelo menos era isso que tinha sido dito a elas...

A jornada das três ia bem. Elas conheceram muitos aliados, como Ferio, o espadachim errante com uma queda por Anne e dono de um grande "segredo de família", Guru Clef, o principal mago de Zefir, e Priscila, a forjadora de armas, além dos inimigos seguidores de Zagar: Alcion, a feiticeira, Inov, o lobo monstruoso transformado em humano (ou quase) por Zagar, Caldina, a mercenária ilusionista, Ascot, o menino invocador de criaturas, e Rafaga, o espadachim da Guarda da Princesa sob controle mental de Zagar. Inov foi derrotado duas vezes e morto na segunda; Alcion foi derrotada diversas vezes e desapareceu do mapa (até Rayearth 2, mas essa é outra história...); Rafaga recobrou a consciência e ajudou as Guerreiras; Ascot e Caldina desistiram da missão, se aliando também às Guerreiras Mágicas.

Com os três Gênios despertos (Rayearth, da Lucy, Ceres, da Marine, e Windom, da Anne), era chegada a hora de enfrentar Zagar.

Até que descobriu-se que o vilão não era vilão, e que a princesa deveria ser morta ao invés de ser salva. Que grande mal-entendido! Esmeralda era apaixonada por Zagar, assim como ele era por ela. Ela pensava tanto nele que deixou de orar. E o único jeito de corrigir isso era matando o atual Pilar para que outro fosse eleito. Zagar só queria proteger a mulher que amava!

Com tanta complicação, não é de se estranhar que as cabeças das meninas tenham ficado mais confusas do que trânsito no Centro às seis da tarde! E isso teve sérias conseqüências: a alma de Lucy, durante a batalha final onde Esmeralda foi morta, criou um ser que era reflexo de sua confusão e frustração: Nova.

Essas duas meninas são ponto-chave de Rayearth 2, quando as Guerreiras Mágicas retornam à Zefir. E foi quando tive acesso a essa história que me interessei muito por elas. Mais do que qualquer coisa em Rayearth, elas nos colocam para pensar bastante. Sem contar a polêmica que essa dupla foi!

E é por isso que fiz esta parte de Alandria's Mirror só falando sobre as duas garotas e do que dizem sobre elas.

 

==============================

Voltar para Rayearth - Lucy e Nova
Voltar Para Diversos
Página principal

Hosted by www.Geocities.ws

1