A Bênção

Por Reginaldo Gomes Porto
[email protected]

O termo “bênção” indica uma particular atitude religiosa, ou seja, uma relação entre Deus e o homem, cuja manifestação se dá em determinados contextos diferente entre si, mas que tendem a uma correspondência mútua entre o humano e o divino. “Parece ser uma realidade comum a todas as religiões”. (Dicionário de Liturgia. Edições paulinas).
“‘ Abençoar’, ‘bendizer’ são derivados do latim benedicere: verbo composto de bene dicere que significa dizer bem...”. O significado fundamental de benção é “invocar a divindade a sua proteção sobre as pessoas e as realidades humanas”, e isso se dá por meio de um intermediário.
Muitas pessoas, inclusive muitos de nós, cristãos católicos, têm o desejo de ser abençoadas. Este dar ou lançar bênção tem como finalidade proteger, fazer feliz, tornar próspero e, sobretudo atualizar sobre a pessoa as promessas de Deus e suas exigências. A condição para participar da bênção divina é determinada pela aceitação da sua aliança e pela perseverança nela, “somente quem observa os mandamentos de Deus, os justos, os piedosos, participam dos benefícios da sua bênção”. (Dicionário de Liturgia).
Deus é a fonte e origem de toda bênção. Ele é bendito acima de tudo. “Deus criou o homem e a mulher a sua imagem e semelhança e os abençoou”. (Gn 1,27ss).
“ Quando chegou a plenitude dos tempos Deus enviou seu Filho, e por meio Dele, de novo abençoou os homens com toda a sorte de bênçãos espirituais”. (Gl 4,4).
“ A liturgia, fonte de vida da Igreja” (Sacrosanctum Concilium Nº 10), toda ela é uma bênção e torna para nós um presente especial de Deus. Daí a importância de glorificarmos a Deus em todas as coisas tendo em vista a glorificação de Deus nos homens. “Na verdade Deus dá a sua bênção ao homem, comunicando a sua bondade. Os homens bendizem a Deus elevando louvores, dando graças, prestando o culto de piedade e obediência; e abençoam outros homens invocando o auxílio divino sobre cada um ou em grupo”. (Ritual de Bênçãos, Paulus nº 6).
Os sinais visíveis da presença e bênção de Deus são os sacramentos, nos quais a Santa Mãe Igreja instituiu. “Pelos sacramentais os homens se dispõem a receber o efeito principal dos sacramentos e são santificadas as diversas circunstancia da vida”. (Sacrosanctum Concilium nº 60).
Contudo é dos sacramentos que emana intenção salvífica ao mistério pascal de Cristo. Os sacramentos comunicam benefícios divinos. Deus abençoa todas as criaturas criadas de modo abundante e variadas.

© 2007 - Todos os direiros reservados - Ágora on-line

Hosted by www.Geocities.ws

1